Clique e assine por apenas 7,90/mês

Depois do gim, o rum: cinco drinques com a bebida do momento

Primo caribenho da cachaça, o destilado de melaço de cana ganha prestígio nos balcões, muito além de mojitos e cubas-libres

Por Carol Zappa - 5 ago 2017, 16h42
The redhead: uma das muitas opções com a bebida no Nosso Tomás Rangel/Divulgação

Nosso. Dono dos melhores drinques e ambiente da cidade, segundo o júri do guia COMER & BEBER, o estiloso bar comandado por Tai Barbin é um templo do rum. Uma das receitas com a bebida, o the redhead (R$ 33,00) leva ainda vinho tinto, canela, limão-siciliano e grenadine caseiro. Rua Maria Quitéria, 91, Ipanema, ☎ 99619-0099.

Knickerbocker: dica do SubAstor Leo Feltan/Divulgação

SubAstor. Nos fundos do Astor, o pequeno salão é dedicado a (ótimos) coquetéis. Das vinte sugestões da premiada carta, executada com habilidade pelo bartender Plínio Joaquim, seis levam o destilado. Refrescante, o knickerbocker (R$ 31,00) é feito com rum jamaicano, limão, framboesa, licor Grand Marnier e bitter. Avenida Vieira Souto, 110, Ipanema, ☎ 2523-0085.

Green Tiger: criação de Jéssica Sanchez para o Roman Izakaya Tomás Rangel/Divulgação

Roman Izakaya. Eleita bartender do ano na recém-lançada edição do guia COMER & BEBER, Jéssica Sanchez assina a carta do bar japonês com ingredientes orientais. Para escoltar os petiscos do chef Shin Koike, o green tiger (R$ 28,00) combina rum, chá de capim-limão, redução de abacaxi e amêndoas. Avenida das Américas, 8585, Barra (Vogue Square), ☎ 3030-9091.

Colón: sugestão do Garoa Rodrigo Azevedo/Divulgação

Garoa Bar Lounge. Do balcão pilotado pelo mixologista Igor Renovato, grata surpresa na coquetelaria carioca, saem belas receitas, como o colón (R$ 30,00). À base de rum, o drinque, bem frutado, reúne limão-taiti, xarope de gengibre artesanal e suco de laranja, cobertos por uma espuma de maracujá com Amareto. Rua Dias Ferreira, 50, Leblon, ☎ 3591-7617.

Publicidade
sobe_kingston-negrone_foto-rodrigo-azevedo-2.jpeg
Kingston negrone: releitura no Sobe Rodrigo Azevedo/Divulgação

Sobe. Antes de deixar a casa no Horto, o bartender William Barão, agora na Rubaiyat, criou uma releitura do clássico negroni, com rum no lugar do gim. O kingston negrone (R$ 26,90) é preparado por Bruno Santos com partes de Bacardi Blanco e 8 anos, Campari, Martini Rosso e abacaxi desidratado. Rua Pacheco Leão, 724-D, Jardim Botânico, ☎ 3114-7691.

Publicidade