Clique e assine por apenas 7,90/mês

Cariocas relatam pandemia e quarentena ao redor do mundo

Dos Estados Unidos ao Japão, cariocas no mundo escrevem para a VEJA RIO sobre medos, incertezas e ações durante a pandemia

Por Marcela Capobianco - Atualizado em 24 mar 2020, 15h47 - Publicado em 23 mar 2020, 12h30

Intitulada Cariocas no Mundo, a série de reportagens de VEJARIO traz relatos de pessoas que moram em diversos países sobre a pandemia de coronavírus e a quarentena.

Aqui, você pode encontrar todos os depoimentos:

‘Só o vento circula pelas ruas de Chicago’, conta publicitário carioca (Adriano Matos)

Carioca no Chile: menos apocalipse, mais pragmatismo nas ruas de Santiago (Brenno Quadros)

Continua após a publicidade

Quarentena em Londres: ‘A ficha parece ainda estar caindo’ (Joanna Moura)

Carioca em Paris: ‘As ruas estão desertas’ (Thiago Jaconianni)

Carioca em Tóquio: ‘É assustador ver pontos turísticos e trens vazios’ (Camila Ogawa)

Carioca na Tailândia: ‘Tudo mudou muito rápido, prateleiras estão vazias’ (Júlia Martins)

Continua após a publicidade

Coronavírus: ‘Paris sem cafés e sem o D’Orsay é como o Rio sem botequim’ (Ana Paula Cardoso)

Carioca que mora em Londres relata sufoco em fim de férias (Bia Kling)

Jornalista sobre Nova York: ‘Até a cidade que nunca dorme parou’ (Louise Peres)

Carioca sobre Covid-19 na Espanha: ‘Todos estão fazendo a sua parte’ (Marcelo Nogueira)

Continua após a publicidade

Atriz carioca relata medo e união em Portugal (Úrsula Corona)

Publicidade