Clique e assine com até 65% de desconto

Mitsubá deixa a Tijuca e inaugura no Leblon

Aberta em 2004, a cozinha japonesa, comandada pelo chef Eduardo Nakahara e conhecida pela variedade de peixes frescos, conquistou fãs de toda a cidade

Por Carolina Barbosa Atualizado em 7 jul 2020, 11h50 - Publicado em 7 jul 2020, 11h42

Aberto em 2004 na Tijuca e conhecido pela variedade de peixes frescos oriundos da costa brasileira, o tradicional japonês Mitsubá deixou o bairro na Zona Norte e abre as portas nesta terça (7), no Leblon, na Zona Sul. A cozinha, no entanto, segue sob o comando do cuidadoso chef Eduardo Nakahara e tem entre os sócios Cello Camolese Macedo, à frente também da Casa Camolese, e Homero Cassiano.

+Vinhos: trinta rótulos até R$ 50 para beber no inverno

Para o momento atual, o ambiente, instalado no Rio Design Leblon e com projeto arquitetônico de Bel Lobo, precisou de adaptações: afastamento das mesas, máscaras trocadas a cada três horas, higienização recorrente dos espaços, além de álcool em gel à disposição de clientes e colaboradores. Quem não se sentir confortável em ir lá, por enquanto, o endereço já inaugura com serviço de delivery.

+A rota da focaccia: onde comprar o pão de origem italiana

Mitsubá: combinado especial do chef, com dezoito peças Tomás Rangel/Divulgação

Capítulo à parte, o menu sazonal de Nakahara chega a ter quinze tipos de peixe branco num único dia. Entre os destaques, o combinado especial do chef reúne dezoito peças, sendo oito sashimis e dez sushis (R$ 102,00). O lámen (R$ 39,00) leva caldo de frango e porco, vegetais e fatias de copa lombo, além de cinco unidades de gyoza. Outra sugestão leva à mesa ravióle oriental recheado de lombo suíno e nirá (R$ 29,00). Por R$ 75,00, o chirashi (tirashi) chega com quinze fatias de sashimi sobre shari (arroz de sushi) e missoshiro.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Lámen + gyoza: em cartaz no menu Tomás Rangel/Divulgação

Aos interessados, o cardápio conta ainda com pratos quentes e carta de drinques autorais, criada para harmonizar com as receitas. Debutam por lá dez preparos veganos, assunto sobre o qual Nakahara se debruça há algum tempo. Entre eles, o sushi vegano simples (R$ 49,00; doze peças) pode vir com ameixa curtida e pepino; abobrinha com bardana; nabo curtido e raiz de lótus, dependendo das escolhas do chef.

Sushi vegano: opções sem nada de origem animal Tomás Rangel/Divulgação

Serviço: Avenida Ataulfo de Paiva, 270, Rio Design Leblon, 2264-1232. Diariamente, das 12h às 23h.

Continua após a publicidade
Publicidade