Clique e assine por apenas 4,90/mês

Quatro drinques à base de mate para o verão

Hit nas areias, a bebida abastece receitas criativas nos balcões cariocas

Por Carol Zappa - 2 fev 2018, 16h57
Caverna: dim mak Tomás Rangel/Divulgação

Caverna. No badalado reduto roqueiro, o mate da casa é o toque final do dim mak (foto), com gim, xarope de maracujá, licor triple sec, suco de limão, noz-moscada e aroma de tomilho (R$ 30,00). Rua Assis Bueno, 26, Botafogo, ☎ 3507-5600.

Camolese: piazzolla Sacha Jagoda/Divulgação

Casa Camolese. O novo misto de restaurante, bar, café e cervejaria tem balcão comandado por Thiago Politi. Ali é preparado o piazzolla: rum de especiarias, mate da casa, limão, xarope de amêndoas e capim-santo (R$ 29,00). Rua Jardim Botânico, 983, ☎ 99239-4969.

Bar dos Descasados: selarón Bruno de Lima/Divulgação

Bar dos Descasados. Opção para um programa romântico, o bar do Hotel Santa Teresa serve o selarón, que leva chá-mate na mistura de pisco, maracujá e água de coco (R$ 34,00). Rua Felício dos Santos, 15, Santa Teresa, ☎ 3380-0264.

Xian: mate d’água Tomás Rangel/Divulgação

Xian. Para apreciar a vista da Baía no lounge ou na varanda, o mate-d’água é dica da seção de gim-tônicas. Além da bebida, a combinação de gim Amázzoni com água tônica leva aroeira e louro (R$ 34,00). Avenida Almirante Silvio de Noronha, 365, Centro (Bossa Nova Mall), ☎ 2303-7080.

Continua após a publicidade
Publicidade