Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Carolina Ferraz lança livro de culinária; veja receitas queridinhas

Aluna de escola de gastronomia francesa, a apresentadora quer aprimorar a técnica: "Não tenho pretensão de ser profissional, mas quero cozinhar como chef"

Por Carolina Barbosa Atualizado em 2 ago 2021, 15h34 - Publicado em 2 ago 2021, 13h32

Aos fãs de receitas culinárias, a apresentadora e atriz Carolina Ferraz acaba de lançar mais uma edição de seu livro “Na Cozinha com Carolina 3” (Editora Nacional; 208 págs.; R$ 89,90), com mais de cinquenta receitas inspiradas na cozinha de sua mãe, Giscelda, de 82 anos. 

A inspiração para o lançamento veio com a quarentena, que afastou Carolina de sua mãe e do resto da família. “Minha mãe teve uma depressão séria no começo da pandemia e foi muito triste vê-la nesse estado, com tantas incertezas e ansiedades que o momento provocou”, conta a cozinheira e empresária. “Esse livro é, portanto, uma homenagem a ela, que eu amo tanto, é uma celebração de todas as receitas que já fizemos juntas, que ela me ensinou, ou receitas minhas, que ela adotou no seu cardápio”, explica.

+Clássico português: aprenda a fazer o famoso arroz de pato do Gajos d’Ouro

Nas páginas figuram pratos descomplicados, ideais para quem está começando a cozinhar ou cozinheiros já experientes que queiram dar uma variada no cardápio. São saladas, sopas, massas, carnes e sobremesas, além de capítulo inteiro com instruções para fazer ótimos drinques.

Fã de chefs como René Redzepi (Noma, da Dinamarca), dos ingleses Jamie Oliver e Gordon Ramsay e dos italianos Massimo Bottura e Gennaro Contaldo – ” São os chefs que ‘namoro’. Difícil escolher um'”, ela diz – Carolina matriculou-se no início do ano na escola de gastronomia da Le Cordon Bleu. Mas não que ela pense em abandonar as câmeras ou mudar de carreira. “Estou muito feliz fazendo este curso. Vai ser muito bom para mim, que sempre cozinhei de forma instintiva, genuína, ter contato com a culinária através de técnicas mais profundas. Acho que isso vai facilitar e muito a minha maneira de ensinar as pessoas a cozinhar. Eu não tenho a menor pretensão de me tornar uma chef profissional, mas eu quero saber cozinhar como uma chef profissional”, almeja.

+Do campo à mesa: Paula Varejão estreia programa sobre a procedência dos alimentos

Segundo ela, o aprimoramento de técnicas pode, quem sabe, inspirar um quarto livro. “Quero poder sentar na mesa com esses chefs todos que eu admiro e entender do que eles dizem. Técnica é uma certa liberdade que a gente adquire para poder ser criativo. Quem sabe depois de me formar, eu não lanço um livro mais autoral, digamos assim”, diverte-se.  “Seguindo meu fluxo, talvez daqui 2, 3, anos, porque eu sou meio lenta (risos)”, brinca ela, adepta da culinária mediterrânea. “É a minha paixão. Simplista, no sentido de que os protagonistas são os alimentos e a matéria-prima, e de qualidade, com muito sabor”, resume.

A seguir, ela lista e compartilha três receitas disponíveis na obra:

Continua após a publicidade
Penne ao limone: almoço leve e saboroso
Penne ao limone: almoço leve e saboroso Nicole Gomes/Divulgação

Penne ao limone com frango e espinafre
Ingredientes:
– 2 colheres de sopa de azeite de oliva
– 1 cebola média picada
– 1 peito de frango cortado em cubos pequenos
– 2 dentes de alho picados
– 2 xícaras de caldo de frango
– 2 1⁄2 xícara de penne
– 3 colheres de sopa de suco de limão
– 1 maço de espinafre
– 90g de cream cheese
– 1⁄2 xícara de queijo parmesão ralado
– 1⁄2 xícara de queijo mussarela ralada
– Sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo:

Em uma panela, refogue no azeite a cebola picada, acrescente o frango, e o alho picadinho e deixe refogar até que a carne esteja bem corada e cozida. Então acrescente o caldo de frango e o penne, mexa bastante para soltar o caldo do fundo da panela e liberar o amido da massa, é ele que vai deixar seu molho cremoso. Tampe a panela e deixe cozinhar por aproximadamente 20 minutos, mexendo sempre.
Adicione o suco de limão, o espinafre, o cream cheese, a mussarela e o parmesão, mexendo por cerca de 3 ou 4 minutos até que tudo fique bem incorporado. Sirva imediatamente. OBS: Nas receitas de uma panela só com macarrão, sempre reservo um pouco de agua fervente à parte, pois melhor prevenir do que remediar. Se necessário, acrescente um pouco de água fervendo no seu macarrão de uma panela só.

Tarte de peras: e mel dica para o lanche e sobremesa
Tarte de peras: e mel dica para o lanche e sobremesa Nicole Gomes/Divulgação

Tarte de pêras e mel
Ingredientes:
Para a massa:
-150g de farinha sem fermento
-1 colher de sopa de açúcar granulado fino
-75g de manteiga sem sal cortada em cubos
-1 ovo levemente batido
-1 gota de extrato ou essência de baunilha
Para o recheio:
– 60g de mel
– 250g de peras em conserva
-2 ovos
-1 colher de chá de amido de milho ou de batata
– 40g de açúcar
-125ml de natas
– Açúcar de confeiteiro para polvilhar
Modo de preparo:
Pré-aqueça o forno a 200ºC. Para fazer a massa peneire a farinha para dentro de uma tigela grande, junte o açúcar e incorpore os cubos de manteiga, esfregando com as pontas dos dedos até obter uma mistura semelhante a migalhas de pão. Agite a tigela para verificar se a manteiga está bem distribuída e faça uma cova no centro da mistura. Deite o ovo e a baunilha na cova e use os dedos para arrastar os ingredientes secos na direção do liquido até começar a se formar uma massa. Junte um pouco de água, se necessário. Amasse rapidamente numa bola. Não o faça por muito tempo ou a massa ficará dura. Cubra com uma película de plástico e deixe descansar no freezer por 20 minutos. Aqueça o mel num tacho até começar a ficar escuro. Escorra as peras, guardando o liquido, e corte-as em cubos de 1 cm. Envolva-as com o mel caramelizado. Bata os ovos com o amido de milho, açúcar e as natas e reserve. Estenda a massa sobre uma superfície enfarinhada até uma espessura de 3mm e forre uma forma de tarte baixa (18-20cm) com o fundo removível. Cubra com um circulo de papel vegetal e encha com feijões ou arroz. Coloque 5 minutos no freezer e em seguida 10 minutos no forno. Retire os feijões e o papel e espalhe os pedaços de pera sobre o fundo, guardando o mel que sobrar. Cubra com a mistura de ovos e natas e leve novamente ao forno. Passados 12 minutos, reduza a temperatura para 170ºC e cozinhe por mais 25 minutos. Ferva o mel com o liquido das peras até apresentar uma consistência xaroposa e pincele a superfície da tarte com a mistura. Polvilhe com açúcar de confeito antes de servir.

Risoto de abóbora: dica para a refeição principal
Risoto de abóbora: dica para a refeição principal Nicole Gomes/Divulgação

Risoto de abóbora cabotiá e camarão
Ingredientes:
-250g de arroz arbóreo
-150ml de vinho branco
-250ml água fervente com tablete de legumes caseiro (checar nas receitas básicas)
-40g (2 colheres de sopa) de manteiga em temperatura ambiente
-1 cebola média
-400g de purê de abóbora cabotiá (reserve a água do cozimento)
-1 pitada de noz moscada ralada na hora
-Pimenta-do-reino a gosto moída na hora
-Sal a gosto
-Azeite de oliva
-Cheiro verde a gosto
-1 colher de chá cheia de curry em pó
-500g de camarão VG ou rosa já limpo e descascado. (eles tem que ser temperados com lemon pepper, e depois de temperados devem descansar no papel toalha para que fiquem bem sequinhos, pode deixar descansando).
-Pimenta dedo-de-moça sem sementes (bem picadinha)

Modo de fazer:

O primeiro passo é temperar os camarões com lemon pepper e deixar descansar no papel toalha. Em uma panela, adicione a manteiga e o azeite. Grelhe o camarão nessa mistura (1minuto de cada lado) e reserve. Nessa mesma panela, já sem o camarão adicione a cebola, cheiro verde a gosto e o arroz arbóreo, refogue por cerca de 2-3 minutos, acrescente o vinho e mexa bem por mais cerca de 2-3 minutos, então acrescente o purê de abóbora, a pimenta dedo de moça e vá acrescentando lentamente o caldo de legumes enquanto mexe. Adicione o curry a panela para dar um toque especial. Acrescente um pouco da água do cozimento da abóbora e a noz moscada, juntamente com o sal e a pimenta do reino a gosto e siga mexendo até que o seu arroz cresça e esteja no ponto al dente, por cerca de 25-30 minutos. Desligue o fogo e despeje parte dos camarões na panela. Finalize com camarões por cima, cheiro verde, e um pouco de azeite de oliva. Sirva imediatamente.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

 

Continua após a publicidade
Publicidade