Continua após publicidade

Conheça o Kitecoat, projeto que transforma pipa de kitesurf em roupas

Feitas de material que demora 300 anos para se decompor, elas ganham etiqueta com os lugares por onde a peça passou

Por Renata Magalhães
21 jun 2024, 06h00

Lindíssimas riscando o céu, as pipas de kitesurf se tornaram um problema ao meio ambiente, já que o material demora 300 anos (isso mesmo) para se decompor. Muitas pesquisas depois, investigadas as possibilidades de reciclagem, veio a ideia: por que não vesti-las?

+ Com emoção: podcast destrava fluxo criativo de empreendedores e artistas

+Na pista: parque Caverna Spot atrai skatistas para Jacarepaguá

Assim nasceu o Kitecoat, projeto que une moda e sustentabilidade em jaquetas estilosas feitas com as tais pipas, e criadas pelo arquiteto e velejador Alexandre Rezende ao lado da esposa, Paula Lagrotta. A cadeia produtiva funciona de forma circular: os kites inutilizados são doados por praticantes, escolas e guarderias, que não raro participam do processo criativo.

Continua após a publicidade

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

“Eles podem decidir detalhes que vão conservar a memória visual da pipa, e a roupa ainda ganha uma etiqueta com os lugares por onde a peça passou”, explica Alexandre, que acaba de lançar uma coleção com saia, short e trench coat. Custando de 230 a 1 000 reais, os viajados exemplares são vendidos pelo Instagram da marca (@kitecoat) e na loja do Museu do Amanhã.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.