Clique e assine com até 65% de desconto

Térèze

(Desde 2008)

Tipos de Restaurantes: Cozinha contemporânea

Veja Rio:

Endereço: Rua Felício dos Santos, s/n - º - Santa Teresa - Rio de Janeiro - RJ ver no mapa

Telefone: (21) 22211406 / (21) 33800200

Site: http://www.santateresahotel.com

Horário:

segunda-feira 07:00 - 10:30 - 12:30 - 15:30

terça-feira 07:00 - 10:30 - 12:30 - 15:30

quarta-feira 07:00 - 10:30 - 12:30 - 15:30

quinta-feira 07:00 - 10:30 - 12:30 - 15:30

sexta-feira 07:00 - 10:30 - 12:30 - 15:30

sábado 07:00 - 22:30

domingo 07:00 - 22:30

7h/10h30, 12h30/15h30 e 19h30/22h30

Faixa de preço: De R$131,00 a R$220,00

Informações adicionais: Estacionamento/Valet, Lugares/Capacidade total (80), Comida (couvert) (R$ 30,00) (1), Levar vinhos (permite) (R$ 80,00)

(1)porção

Resenha por Fabio Codeço

Dentro do cinco-estrelas Santa Teresa, o restaurante do hotel conquistou prestígio com receitas contemporâneas de ingredientes brasileiros preparadas por Damien Montecer. A saída do cozinheiro francês foi sentida na cozinha, que passou a dar bem-vindos sinais de recuperação nas mãos do chef Esteban Mateo. Egresso do extinto Da Bela, o mestre-cuca uruguaio já mostrou a que veio — e ganhou reconhecimento com o prêmio de chef revelação do ano, segundo este especial COMER & BEBER. Na entrada, a delicada pamonha crocante é valorizada pela acidez das raízes e dos cremes de azedinha e de alho assado (R$ 36,00). Outra boa sacada servida pelo mesmo preço é o carpaccio de língua sobre brioche, iogurte e caviar mujol. O bife ancho ao molho de especiarias tem escolta de repolho-roxo, lardo, tempurá de mil-folhas e surpreendente homus de cenoura (R$ 80,00). É tão saboroso quanto a barriga de porco de casquinha crocante com aipim, purê de castanhas, couve e redução adocicada de caju (R$ 65,00). Para terminar, uma inventiva combinação doce reúne cremes de cacau e de cupuaçu a pãozinho aerado de avelã (R$ 33,00).

    Dentro do cinco-estrelas Santa Teresa, o restaurante do hotel conquistou prestígio com receitas contemporâneas de ingredientes brasileiros preparadas por Damien Montecer. A saída do cozinheiro francês foi sentida na cozinha, que passou a dar bem-vindos sinais de recuperação nas mãos do chef Esteban Mateo. Egresso do extinto Da Bela, o mestre-cuca uruguaio já mostrou a que veio — e ganhou reconhecimento com o prêmio de chef revelação do ano, segundo este especial COMER & BEBER. Na entrada, a delicada pamonha crocante é valorizada pela acidez das raízes e dos cremes de azedinha e de alho assado (R$ 36,00). Outra boa sacada servida pelo mesmo preço é o carpaccio de língua sobre brioche, iogurte e caviar mujol. O bife ancho ao molho de especiarias tem escolta de repolho-roxo, lardo, tempurá de mil-folhas e surpreendente homus de cenoura (R$ 80,00). É tão saboroso quanto a barriga de porco de casquinha crocante com aipim, purê de castanhas, couve e redução adocicada de caju (R$ 65,00). Para terminar, uma inventiva combinação doce reúne cremes de cacau e de cupuaçu a pãozinho aerado de avelã (R$ 33,00).