Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Feira de São Cristóvão terá festa junina até o fim de agosto

Em parceria com o projeto Circuito Arraiá, os eventos aos fins de semana não vão contar com shows, mas com apresentações com quadrilhas e trios de forró

Por Carolina Barbosa 28 jun 2021, 13h43

Mais conhecido como Feira de São Cristóvão, o Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, na Zona Norte do Rio, vai promover dois meses de festa junina em seu complexo, sempre aos sábados e domingos, a partir das 14h, até 29 de agosto. A festa, que já começou neste último fim de semana, ocorrerá de forma reduzida, em função da pandemia de Covid-19, seguindo as regras sanitárias e protocolos em vigor para evitar a disseminação da doença, de acordo com os organizadores.

+‘Sou feliz e agradeço’: Bar do Zeca Pagodinho ganhará duas filiais no Rio

Em parceria com o projeto Circuito Arraiá, que circula pelo estado fluminense desde 2015 com arraiás tradicionais, os eventos não terão shows. No entanto, contarão com apresentações culturais com quadrilhas, repentistas, trio de forró e outras manifestações da cultura nordestina, além de decoração típica, com direito a uma igreja de seis metros de altura na entrada do centro.

+Bauernfest, em Petrópolis, reúne 70 bares e restaurantes em festival

Para os que não quiserem se deslocar, haverá transmissão on-line das atrações no canal da Feira.

Continua após a publicidade

No local, onde é obrigatório usar máscara, a novidade é o espaço temático Maria Bonita, um “bar camarote”, em frente ao palco Jackson do Pandeiro, que terá atendentes vestidos com roupas de festa junina, além de oferecer doces típicos, quentão, entre outros quitutes da celebração, além de brincadeiras como correio elegante e torneio de touro mecânico.

O ingresso para entrar na feira custa R$ 6,00 nos fins de semana.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade