Clique e assine por apenas 4,90/mês

Comer & Beber 2018/2019: Igor Renovato é o bartender do ano

Cria da Baixada, o jovem craque das coqueteleiras esbanja talento e simpatia no balcão do Garoa

Por Carol Zappa - 27 jul 2018, 08h00
Gim-tônica e Mangueira: duas paixões Tomás Rangel/Veja Rio

Quem olha para o balcão encontra, invariavelmente, um sorriso largo. Aos 26 anos, o jovem bartender equilibra talento e irreverência no preparo dos drinques premiados neste COMER & BEBER. A carreira que levou Igor Renovato ao Garoa Bar Lounge surgiu meio por acaso: até os 16 anos, esse garoto flamenguista, criado em São João de Meriti, sonhava em ser jogador de futebol. Aos 19, um tanto perdido, conseguiu o primeiro emprego, como atendente de bar no Olimpo, extinta casa de shows na Penha. Na época, não bebia nem tinha intimidade com coqueteleiras, dosadores e bailarinas (aquelas colheres compridas). Chegou a trabalhar dois meses na boate La Cicciolina, inferninho em Copacabana, desdobrando-se na produção de hi-fi e cuba libre. Em 2014, surgiu a vaga de auxiliar de garçom no Bar dos Descasados, no Hotel Santa Teresa. Incumbido de montar o balcão, ele aparecia no local mais cedo e torcia para que o encarregado se atrasasse, assim podia preparar os drinques. Ali a paixão deslanchou. Pupilo de feras como Walter Garin (Shake Rio), Alex Miranda e Lelo Forti (Mixxing), Igor estudou com dedicação e aprimorou o estilo em casas como Alice Bar e Pici Trattoria. No posto atual, o rapaz brincalhão põe em prática criações simples e deliciosas — caso do perro, delicada mistura de gim Bulldog, suco de tomate, limão e ginger ale (R$ 32,00), seu novo queridinho. Curiosidade: a camisa usada na sessão de fotos é da escola de samba que Igor Mangueira Renovato carrega no coração e no sobrenome.

Publicidade