Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

‘Investe em mim’: Rocinha terá quadras reformadas e wi-fi grátis em ônibus

Com aporte inicial de R$ 1 milhão, projeto capitaneado pelo Grupo Petrópolis fará aportes como doação de cestas básicas no período de um ano

Por Carolina Barbosa 16 jul 2021, 10h29

Vejam que coisa boa! Por meio de seu braço social, o Grupo Petrópolis, detentor da cerveja Itaipava, desenvolveu um projeto, intitulado “100% Rocinha”, que vai apoiar os moradores da favela no período de um ano.

+Carioca Nota 10: Adriana Samuel e a solidariedade através do esporte

De início, a cervejaria está doando 100 cestas básicas por mês para a Associação de Moradores, responsável por fazer a destinação adequada dos produtos, iniciou a reforma de cinco quadras de futebol da comunidade (Roupa Suja, Laborioux, Cachopa, Terreirão e Rua 1), prevista para ser concluída em até quarenta dias, e vai instalar rede de internet sem fio (wi-fi) grátis em mais de 200 veículos das linhas de ônibus que atendem a Rocinha para facilitar o acesso da população à informação.

Sob aporte inicial de R$ 1 milhão, a iniciativa contempla ainda álcool em gel, máscaras e face shields para os cerca de 30 pontos de venda parceiros da marca, além da doação de água mineral para os moradores.

+Baía de Guanabara: mapeamento prevê 69 intervenções positivas

A escolha do Rio como cidade pioneira para dar partida ao projeto se deu porque a primeira das oito fábricas do grupo foi instalada no estado, além do fato de a Rocinha ser a maior comunidade da América Latina na região. Estão nos planos a adoção de medidas semelhantes em localidades como Vidigal, Acari, Mangueira e Alemão, por exemplo. “Nosso olhar está focado em comunidades, com exemplos de pessoas incríveis, muita diversidade e representatividade social. Vamos dedicar a nossa atenção e nossos recursos em diversas ações relevantes que reforcem isso”, dia Eliana Cassandre, head de marketing do GP.4

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

 

Continua após a publicidade
Publicidade