Clique e assine com até 65% de desconto

Dez canções que têm o Rio como protagonista

A Cidade Maravilhosa é berço de estilos musicais como samba, bossa nova e funk

Por Bruna Motta Atualizado em 20 nov 2020, 16h25 - Publicado em 20 nov 2020, 16h24

Dona de visuais exuberantes e de uma cultura conhecida no mundo inteiro, não é difícil imaginar que o Rio tenha inspirado muitos artistas. Inclusive, a cidade é berço de diversos estilos musicais como o samba, a bossa nova e o funk carioca. A musa inspiradora aparece em letras que exaltam a sua beleza e o seu espírito único.

A lista de canções é grande – são incontáveis, na verdade. Mas VEJA Rio selecionou dez músicas para celebrar a Semana da Música, que se encerra sempre no dia 22, o Dia do Músico. A trilha sonora contém a energia única que só a Cidade Maravilhosa tem.

Confira:

Cariocas – Adriana Calcanhotto

A cantora gaúcha fez uma homenagem a todos os nascidos na cidade do Rio, exaltando suas qualidades e características mais marcantes.

Samba do Avião – Tom Jobim

A música é um hino para todos aqueles que são apaixonados pelo Rio e, por algum motivo, tiveram que se ausentar por um tempo. Os versos “Minha alma canta/ vejo o Rio de Janeiro/ Estou morrendo de saudades” são capazes de resumir em palavras o sentimento que o carioca sente quando vê a Baía de Guanabara depois de uma temporada fora.

+Grátis: exposição na Casa de Cultura Laura Alvim ressignifica objetos descartados 

Solteiro no Rio de Janeiro – Cidade Negra

Criada em 1998, foi a trilha sonora do filme “Como ser solteiro”, mostrando o lado bom de se estar descompromissado na cidade. Virou um hit para quem quer sair, conhecer novas pessoas e badalar por aí.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Aquele Abraço – Gilberto Gil

Após ser exilado em Londres, o cantor compôs essa canção para saudar a volta à Cidade Maravilhosa.

Continua após a publicidade

Do Leme ao Pontal – Tim Maia

A orla mais famosa do Brasil é homenageada na voz do síndico.

Rio 40 Graus – Fernanda Abreu

A música fala das misturas de classes e culturas na cidade.

Garota de Ipanema – Tom Jobim e Vinícius de Moraes

O maior clássico da música brasileira já foi gravado em diversos idiomas e mostra a beleza de Ipanema e da mulher brasileira.

“Endereço dos bailes” – MCs Júnior e Leonardo

A dupla de MCs Júnior e Leonardo entrou para a história do movimento funk carioca ao ser a primeira do estilo a gravar um CD por uma grande gravadora em 1995. E foi neste álbum que os moradores da Rocinha, na Zona Sul, lançaram a música “Endereço dos bailes”, um dos maiores hits da dupla.

+Teatro João Caetano reabre com show do grupo de choro Galo Preto 

“Only a dream in Rio” – James Taylor

A Cidade Maravilhosa também já ganhou homenagens em outras línguas. O cantor americano James Taylor fez uma música para exaltar sua experiência na cidade.

Meu Lugar -Arlindo Cruz

Claro que não podia faltar um dos estilos musicais mais cariocas: o samba. Arlindo Cruz coloca em sua letra uma grande celebração de um dos bairros mais tradicionais no Rio, Madureira. “Meu Lugar” faz referência aos bairros do entorno também e a personalidades da região.

+Grátis: nova exposição no CCBB homenageia ícone da Art Nouveau 

Continua após a publicidade
Publicidade