Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Coronavírus: praias cheias podem fazer Rio endurecer medidas restritivas

Para o secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevalle, "não havendo colaboração das pessoas", decreto será revisto; dados do fim de semana são determinantes

Por Da Redação 15 mar 2021, 17h25

Uma semana depois de flexibilizar algumas medidas restritivas tomadas para tentar frear o aumento explosivo da pandemia na cidade, o Rio pode voltar a endurecê-las já nesta semana. Tudo vai depender do balanço que está sendo feito pela prefeitura sobre os números de sábado (13) e domingo (14), quando as praias voltaram a ficar lotadas.

Covid: no ritmo atual, vacinação no Rio levaria dois anos, diz Fiocruz

Perguntado sobre a relação entre a liberação do trabalho de ambulantes e barraqueiros nas areias e as aglomerações registradas em toda a orla, o secretário municipal de Ordem Pública, Brenno Carnevalle, disse à TV Globo que “as medidas podem ser mais restritivas de acordo com o cenário que se vislumbre do ponto de vista sanitário”.

Ah, o amor: os detalhes da lua de mel de Enzo e Bruna Marquezine

Segundo Carnevalle, a decisão de intensificar as restrições caberá, “principalmente” à Secretaria de Saúde, com base nos dados levantados nos últimos dias. “Não havendo a colaboração das pessoas não há problema algum em revisarmos algumas medidas”, disse.

Continua após a publicidade

Funk e treta no Grammy: DJ dorme na hora, Anitta bate boca com produtor…

O secretário disse manter um bom diálogo com donos de bares e restaurantes e afirmou que a maioria deles vem respeitando o horário de fechamento, às 21h. “Infelizmente, uma minoria ainda descumpre. No fim de semana a gente mais uma vez encontrou lugares com portas fechadas, mas com pessoas dentro. Foram interditados”.

Covid: no ritmo atual, vacinação no Rio levaria dois anos, diz Fiocruz

Somente no terceiro dia de operações, neste domingo (14), foram registradas 605 ações, com 13 multas a ambulantes, restaurantes e bares. Desde o início das fiscalizações das novas medidas impostas pelo prefeito Eduardo Paes, na sexta (12), foram realizadas 2 303 ações em toda a cidade, entre multas e interdições a estabelecimentos, não utilização de máscaras, aglomerações, infrações de trânsito, reboques, encerramento de feiras, apreensões de mercadorias de ambulantes.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

 

Continua após a publicidade
Publicidade