Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Alerta de fofura: cariocas podem batizar novo casal de lontras do BioParque do Rio

Dupla veio de um centro de reabilitação e seus nomes serão escolhidos através de rede social

Por Renata Magalhaes Atualizado em 21 set 2021, 13h54 - Publicado em 21 set 2021, 12h34

Um casal de lontras está encantando os visitantes do BioParque do Rio com suas piruetas cheias de carisma. E o público será responsável por batizar os bichinhos que acabam de chegar ao local. A equipe técnica do parque já pré-selecionou os seguintes nomes para a dupla: “Eduardo e Mônica”, “Nic e Dora”, “Otto e Maré”, “Tico e Teca”, “Tom e Lola” e “Tinho e Bebel”.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Portando, dê uma boa olhada na foto acima, pense em quais você acha que mais combinam com as fofuras e acesse o perfil oficial no Instagram para votar. Basta comentar no post oficial com a escolha até quinta (23). Até o momento, quase 5000 pessoas já engajaram a publicação.

+ Bicharada reunida: BioParque do Rio recebe novos moradores

View this post on Instagram

Continua após a publicidade

A post shared by BioParque do Rio (@bioparquedorio)

Os novos moradores chegam com a missão de conscientizar os visitantes sobre a necessidade de conservação da espécie, que se encontra ameaçada de extinção no estado do Rio de Janeiro devido à deterioração de seu habitat natural e pela caça indiscriminada.

+ BioParque Rio: o que você precisa saber antes de ir ao novo zoológico 

“Graças a um acordo de cooperação mútua entre INEA e o BioParque do Rio, o parque serve como ponto de apoio para os cuidados de órfãos de lontra”, explica o veterinário Ramiro Dias Neto, coordenador da área no BioParque do Rio. O espaço funciona como um Centro de Conservação da Biodiversidade, deixando de lado o caráter expositivo para assegurar o bem-estar dos animais, aliando educação ambiental ao conforto dos visitantes.

Continua após a publicidade
Publicidade