Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Após anunciar boicote, Ludmilla conversa com Prêmio Multishow

Artista foi procurada pela emissora, que a convidou a contribuir para que haja mais diversidade nas próximas edições da premiação

Por Kamille Viola Atualizado em 21 out 2021, 15h02 - Publicado em 20 out 2021, 16h36

Depois de anunciar o cancelamento de sua apresentação no Prêmio Multishow, Ludmilla contou que foi procurada pela organização do evento e recebeu a proposta de contribuir para mudanças na premiação a partir do ano que vem. “Vamos conversar para, juntos, colocarmos em prática mudanças gerais que envolvam não só o coletivo quanto o compromisso de estar sempre em atualização para atender a novos requisitos do mercado fonográfico”, escreveu a artista em suas redes.

+ Os 5 truques de beleza dos anos 90 que estão de volta

A cantora decidiu boicotar a cerimônia após o anúncio dos indicados de 2021: ela havia ficado de fora das principais categorias, entre elas a de Cantora do Ano para a qual — Anitta, Ivete, Iza, Luísa Sonza e Marília Mendonça foram indicadas. Ludmilla concorre em Hit do Ano e Clipe TVZ do Ano. “Já fui muito desmerecida e ignorada, principalmente por ter vindo de onde vim e por ser quem eu sou, então quero contribuir para que o mercado da música seja mais justo e inclusivo onde o trabalho duro seja reconhecido e que os artistas que me sucederão não passem pelas dificuldades que já passei”, continuou ela, reafirmando que não cantará na premiação.

+ Batalha de Chico Buarque e Alexandre Frota nos tribunais chega ao fim

Nas redes, o canal soltou um comunicado contando que, além da Academia Prêmio Multishow, formada por cerca de 500 jornalistas que votam para escolher os indicados (nos quais o público depois vota), se comprometeu a criar um coletivo mais diverso para as próximas edições do prêmio. “Tivemos um papo há pouco com a Lud, numa escuta ativa, e entendemos seu posicionamento. Sabemos que o mundo de hoje ainda está longe da representatividade ideal e continuaremos trabalhando no que for necessário para evoluir”, postou o perfil oficial da emissora no Twitter.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Publicidade