Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Batalha de Chico Buarque e Alexandre Frota nos tribunais chega ao fim

Deputado acusou cantor e compositor de usar verbas desviadas da Lei Rouanet; artista também venceu ação contra funerária que usou imagem sua

Por Kamille Viola Atualizado em 18 out 2021, 19h45 - Publicado em 18 out 2021, 19h44

Chegou ao fim a batalha judicial entre Chico Buarque e Alexandre Frota. O artista venceu a ação que movia contra o deputado do PSDB por ele ter afirmado, em 2017, no Twitter, que ele teria se beneficiado de verba desviada da Lei Rouanet. Chico também ganhou um processo contra uma funerária que usou uma famosa imagem do artista que virou meme (da capa do seu álbum de estreia, Chico Buarque de Hollanda, de 1966) em uma propaganda. Ele vai doar o valor das ações, cerca de R$ 75 mil, para a campanha de apoio aos músicos organizada pelo 342 Artes, movimento liderado por Paula Lavigne.

Foto do deputado Alexandre Frota de terno e camisa pretos e gravata branca
Alexandre Frota: deputado foi processado pelo cantor camara.leg.br/Reprodução

+ O que Martinho da Vila achou da capa do novo álbum de Adele?

Recentemente, o cantor e compositor também moveu uma ação contra o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), que teve que apagar do Twitter um vídeo em que foram usadas imagens do artista. Ainda corre na justiça um pedido para que o governador indenize o artista em R$ 40 mil. Chico é representado pelo advogado João Tancredo.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Publicidade