Fitness

Ladies Camp, atividade exclusiva para mulheres, atrai celebridades

Parente do crossfit, novo programa de treinamento criado pelos irmãos Nogueira elimina até 800 calorias por aula

Por: Daniela Pessoa

ladies camp
Fabíola e Patrícia: saradas longe da musculação (Foto: Selmy Yassuda)

Os gritos do professor já deixam claro que a aula, ali, não é para qualquer um. “Isso, chora, gente! Quem não entra no pique volta para o começo! Vamos lá! Só mais trinta segundos de alegria! Bora, bora, bora, sem parar!”, brada ele, em um dos tatames da academia Team Nogueira. O incentivo é necessário. Mesclando exercícios pesados com halteres, cordas, bolas e pneus a movimentos de artes marciais como boxe, muay thai e jiu-jít­su, o treino poderia ser apenas uma parte do programa desenvolvido para os fortões da equipe comandada pelos lutadores Minotauro e Minotouro, os donos do lugar. Trata-se, no entanto, de uma modalidade voltada exclusivamente para mulheres, a ladies camp, elaborada há dois anos pelos irmãos do MMA. Nos últimos seis meses, o número de turmas dobrou nas três filiais da academia no Rio, conquistando até alunas famosas como Grazi Massafera, Giovana Ewbank e Carolina Dieck­mann. Adepta há quatro meses, a funkeira Anitta é mais uma que aderiu à novidade. “Ela já está com a barriga, pernas e glúteos mais esculpidos. O resultado aparece rápido”, afirma o personal trainer Chico Salgado, um dos instrutores da modalidade.

Infográfico ladies camp
(Foto: VEJA RIO)

Além dos exercícios direcionados para áreas que todas as mulheres suam para deixar torneadas, o programa tem entre suas principais vantagens o gasto calórico. Em uma hora de aula, é possível queimar até 800 calorias. Não à toa, as alunas terminam o circuito exauridas. “Meu começo foi difícil, mas depois que você engata não quer parar”, conta a empresária Fabíola Greco, de 32 anos. A bancária Patrícia Mathias, 31, comemora 5 quilos a menos em oito meses, sem dieta nem monotonia. “Eu não aguentava mais a repetição dos exercícios de musculação, e queria algo que me deixasse definida de forma natural”, explica. Em um mercado que movimenta 5 bilhões de reais por ano no mundo, os irmãos Nogueira fizeram uma aposta certeira. Segundo o American College of Sports Medicine (ACSM), que identifica as tendências do setor, os bootcamps, estilo de treinamento militar em que o ladies camp se insere, são uma das apostas para 2015.

Fonte: VEJA RIO