Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Cinco peças para assistir on-line no fim de semana

De monólogo espacial a espetáculo que exalta a potência das mulheres cientistas, há opções para todos os gostos

Por Marcela Capobianco 14 jan 2021, 11h53

Ama ir ao teatro mas pretende ficar em casa nos próximos dias? Não se preocupe! O fim de semana terá diversas opções de peças de teatro para assistir pela internet. Ligue o computador (ou pegue o celular), escolha uma cadeira confortável e bom espetáculo!

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Tudo que Brilha no Escuro.

Atriz Julia Lund sentada numa poltrona, com os pés em cima do móvel
Julia Lund: peça on-line surgiu como ‘instinto de sobrevivência’ Luiz Felipe Reis/Divulgação

O solo audiovisual foi criado pelo diretor e dramaturgo Luiz Felipe Reis e pela atriz Julia Lund, marido e mulher, durante a quarentena e, após algumas apresentações em 2020, terá uma nova temporada a partir deste sábado (16). A dramaturgia é composta por memórias da atriz, textos de Reis e livres adaptações para obras do dramaturgo Pascal Rambert e do roteirista Jean-Claude Carrière. Ao longo de 50 minutos, Julia Lund vive uma mulher que, durante uma madrugada, visita lembranças reais e inventadas marcadas pelo fim de um relacionamento, em um processo de “troca de pele” e de busca por reinvenção existencial. Enfim, os clichês do amor são questionados e postos em xeque no monólogo.

Sábado, 20h. Domingo, 19h. A partir de R$ 20,00. Ingressos pela Sympla. Até 24 de janeiro.

+ Plano de combate à Covid-19 nas favelas vai apoiar 140 projetos

Novos Normais. 

Tela de zoom com vários atores
Novos Normais: o lugar do desejo e do sexo na pandemia Andre Stefano/Divulgação

Muito se fala sobre o “novo normal”, mas a verdade é que esse conceito é muito amplo: a expressão da moda serve para detalhar a configuração atualizada das normal de contato social? Ou o termo abarca noções mais concretas, como o uso de máscaras e outros adereços de proteção quando saímos às ruas? Pensando nessas questões e em como o desejo se manifesta na nova configuração de vida, a companhia teatral Os Satyros – pioneira nos espetáculos pela internet – explora o tema na peça on-line Novos Normais: Sobre Sexo e Outros Desejos na Pandemia. O texto é de Ivam Cabral e de Rodolfo García Vázquez, que também dirige o projeto.

Sábado e domingo, 18h. Grátis. Acesso pela Sympla. Até 21 de fevereiro.

+ Jardim Botânico passa a oferecer visitas guiadas em carrinhos

Continua após a publicidade

Insubmissas – Mulheres na Ciência.

O espetáculo estreou em 2015 e agora ganhou uma versão digital. Com texto de Oswaldo Mendes e direção de Carlos Palma, cinco mulheres – Adriana Dham, Leticia Olivares, Monika Plöger, Selma Luchesi e Vera Kowalska – e um homem – Rogério Romera – estão no palco. Na história, uma misteriosa voz masculina insistentemente provoca Marie Curie, Bertha Lutz, Rosalind Franklin e Hipácia de Alexandria a falarem de suas vidas. Numa delicada e instigante instalação de cordas, pedras e luzes, o desnudamento de extremados conflitos vividos por elas vem à tona, num suspense somente rompido pela insubordinação e pela desobediência.

+ Grátis: peça com Mariana Ximenes e Silvero Pereira está disponível on-line

O Astronauta.

O ator Eriberto Leão no palco da peça O Astronauta, com um telão ao fundo que simula o espaço sideral
O Astronauta: peça com Eriberto Leão é desdobramento de projeto que começou com websérie Emmanuelle Bernard/Divulgação

Eriberto Leão é um astronauta enviado ao espaço para uma complexa missão. No primeiro momento, ele mantém contato com a Terra, mas algo dá errado e ele fica solitário no espaço.

Sextas, 20h. Sábados e domingos, 18h. A partir de R$ 10,00. Ingressos pelo sympla.com.br. Até 17 de janeiro.

+ Rádio Novelo, a fantástica fábrica de podcasts

Na Sala com Clarice.

ator odilon esteves sentado no encosto do sofá e segurando um vaso de planta
Na Sala com Clarice: monólogo on-line com Odilon Esteves apresenta um cardápio literário Fernando Badharó/Divulgação

O monólogo, em comemoração do centenário da escritora, é estrelado por Odilon Esteves. Em uma encenação minimalista, ele seleciona os contos e crônicas a ser apresentados de acordo com a escolha do público.

Sábados, 20h. Domingos, 19h. Grátis. Ingressos pelo sympla.com.br. Até 31 de janeiro.

Continua após a publicidade
Publicidade