Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Exposição ao ar livre: Jardim Botânico do Rio mostra belezas do Caparaó

A mostra leva o público em uma viagem pelas expedições científicas realizadas no parque, e apresenta espécies raras. Visitas devem ser agendadas on-line

Por Luiza Maia Atualizado em 17 mar 2021, 16h44 - Publicado em 17 mar 2021, 16h38

O Jardim Botânico do Rio inaugura nesta sexta (19) uma exposição que explora as belezas naturais e as pesquisas em campo realizadas no Parque Nacional do Caparaó, localizado na divisa de Minas Gerais e do Espírito Santo.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Para visitar o espaço, é necessário agendar através do site. Montada ao ar livre no Espaço ComCiência, ao lado do Cactário, a mostra apresenta fotografias capturadas por Raul Ribeiro em quatro expedições feitas entre 2016 e 2018 por pesquisadores do Jardim Botânico.

Coordenadas pelo pesquisador e curador da mostra, Marcus Nadruz Coelho, as excursões científicas foram realizadas para um estudo mais aprofundado sobre as espécies presentes na unidade de conservação, principalmente da família Araceae, que conta com grande número de espécies ornamentais e utilizadas no paisagismo ao redor do mundo.

+ MAM Rio ganha tour virtual em 3D pelas exposições do museu

Os registros de plantas raras também estão presentes na exposição, como a Anthurium mourae, espécie encontrada somente no Alto Caparaó, a Anthurium leonii, exclusiva no local e no município vizinho Lima Duarte, em Minas Gerais, além de uma espécie nova para a ciência, que será nomeada e publicada em breve.

Foto de planta
a planta é somente encontrada nos municípios do Caparaó e Lima Duarte Raul Ribeiro/JBRJ/Divulgação

Além de apreciar as paisagens do parque, onde está localizado o Pico da Bandeira, terceiro mais alto do país, o público também poderá acompanhar cada etapa do trabalho dos botânicos. Por meio dos registros fotográficos, é possível ter contato desde a pesquisa prévia que antecedeu as expedições até a coleta em campo, como a preparação das amostras para serem enviadas ao herbário e as descobertas realizadas.

+ Casa Roberto Marinho inaugura duas exposições inéditas

Pesquisadores analisam plantas
Expedições: foram realizadas em 2016 e 2018 do Herbário Guido Pabst e da Unioeste (PR) ao PARNA Caparaó Raul Ribeiro/JBRJ/Divulgação

Horários de visitação: segundas, das 12h às 17h. Terça a domingo, das 8h às 17h.
Endereço: Rua Jardim Botânico, 1008.
Ingressos:
Visitantes estrangeiros: R$ 60,00.
Visitantes estrangeiros Mercosul: R$ 45,00.
Visitantes residentes no Brasil: R$ 24,00.
Visitantes residentes na Área Metropolitana do Rio de Janeiro (sendo necessário apresentar comprovante de residência e identificação com foto): R$ 15,00.
Informações sobre meia entrada e gratuidades: https://www.gov.br/jbrj/pt-br/assuntos/visitacao/ingressos

Continua após a publicidade
Publicidade