Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Casa França-Brasil reabre com mostra que celebra 200 anos de história

Exposição Casa Aberta: Passagens, com entrada gratuita, reúne obras de dez artistas convidados, a exemplo de Panmela Castro e Arlindo Oliveira

Por Marcela Capobianco 1 mar 2021, 12h11

Fechada há quase um ano por causa da pandemia do novo coronavírus, a Casa França-Brasil vai voltar a receber o público nesta quarta (3), na mostra Casa Aberta: Passagens.

+ Jeane Terra e Esther Bonder ganham mostras individuais no Rio

A exposição reúne trabalhos de dez artistas convidados. Do Rio, participam Claudia Hersz, Arlindo Oliveira, Panmela Castro e Leonardo Lobão. Completam o time o baiano Adriano Machado, o cearense Efrain Almeida, a paraense Patrícia Ruth, o amazonense Uýra Sodoma e os paulistas Ivan Grillo e Marcela Bonfim.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Sala da exposição na Casa França-Brasil com diversos tapetes persas pelas paredes e pelo chão
Claudia Hersz: artista pesquisou a etimologia da palavra Alfândega, que significa estalagem, e propôs uma sala preenchida com tapetes persas Divulgação/Divulgação
Continua após a publicidade

+ Murais modernistas de Paulo Werneck ganham retrospectiva no MAR

“Cada artista contribuiu com o próprio modo de pensar o mundo contemporâneo, trazendo mais significação para a palavra Passagem e dando novos sentidos para sua compreensão. Pode ser um caminho, uma estrada, uma tenda persa, uma revoada de pássaros migratórios que repousam no chão”, destaca Ricardo Resende, curador da mostra junto com Diego Martins.

+ Força feminina: cinco obras para ver na exposição Una(s)+, no Oi Futuro

A construção, que completou 200 anos em 2020, já foi Praça do Comércio, Alfândega, arquivo, até ser transformada em centro cultural, há três décadas. Além das referências aos diversos usos do local, a exposição também dialoga com os fatos históricos e políticos do país, como a escravidão e a Ditadura Militar.

Casa França-Brasil. Rua Visconde de Itaboraí, 98, Centro. Quar. a dom., 12h/18h. Grátis. Até 31 de março.

 

Continua após a publicidade

Publicidade