Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Covid-19: primeira dose da vacina continua suspensa no Rio

Vacinação foi interrompida na última sexta (23), devido à falta de imunizantes. Postos seguem com a aplicação da segunda dose

Por Agência Brasil Atualizado em 26 jul 2021, 11h34 - Publicado em 26 jul 2021, 11h26

Permanece suspensa a aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 na cidade do Rio. Segundo a prefeitura, a suspensão, que começou na sexta (23), ocorreu devido à falta de estoques do imunizante.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que “a vacinação será retomada assim que o Ministério da Saúde enviar nova remessa de vacinas”. Por enquanto, os postos continuam atendendo pessoas agendadas para tomar a segunda dose, conforme a data marcada.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Segundo a secretaria, as 76 340 doses do imunizante da AstraZeneca retiradas na central de distribuição do estado no sábado (24) já estavam reservadas para a segunda dose.

Versão do ministério

Por meio de nota, o Ministério da Saúde informou que vai distribuir 10,2 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 para os estados e o Distrito Federal “nos próximos dias”.

Continua após a publicidade

+ Prefeitura do Rio anuncia novo plano de legado do Parque Olímpico

“Na última semana, 8,7 milhões de doses dos imunizantes chegaram às unidades da federação. Ao todo, mais de 164,4 milhões de doses já foram enviadas pelo Ministério da Saúde para imunização da população brasileira em todo o país”, informou a pasta.

A previsão para esta semana, segundo o calendário divulgado pela prefeitura do Rio de Janeiro no dia 15, é que receberiam a primeira dose pessoas de 34 e 33 anos.

+Carnaval e Réveillon? ‘Teremos’, garante Eduardo Paes 

A vacinação seguiria em agosto com escalonamento apenas por idade, até o dia 18, quando seriam imunizados quem tem 18 anos. Já os adolescentes começariam a receber a primeira dose no dia 23 de agosto, com as meninas de 17 anos.

Continua após a publicidade
Publicidade