Clique e assine por apenas 4,90/mês

COMER & BEBER 2017/2018: naturais – Comidinhas

Confira a seleção dos melhores endereços dessa categoria

Por Redação VEJA RIO - 28 jul 2017, 17h39

A edição especial VEJA COMER & BEBER Rio reúne 140 endereços de comidinhas. Abaixo, a seleção dos melhores lugares de comida natural.

Beefit: Distante poucos metros das areias de Ipanema, o café é bom pouso para um pós-praia saudável. A fachada de vidro e madeira azul e o salão clean e aconchegante reforçam o clima de balneário. No cardápio, o foco está nos alimentos funcionais — glúten, lactose e açúcar refinado não entram na cozinha. Na receita da coxinha fit de cogumelo (R$ 9,90), a massa de batata-doce é empanada com leite de castanha e farinha de linhaça. É saborosa e leve, mas apreciadores ortodoxos do quitute sentirão falta da textura crocante da fritura. O vegan burger (feijão azuki, lentilha e beterraba), com pepino em conserva e maionese sem ovo de alho e ervas (R$ 39,50), é ladeado por mix de folhas. A ala dos bebes traz sucos como o energizante, mistura de beterraba, cenoura, maçã, gengibre e abacaxi (R$ 15,90), e smoothies de morango, entre outros sabores (R$ 16,50 cada pedido). Ambos são servidos no copo de 450 mililitros. Dica de sobremesa pouco doce, o rainbow parfait traz no copo frutas frescas, creme de coco com castanha-de-caju, granola caseira e melado (R$ 18,00).

Bolinhos de arroz recheados: carro-chefe do Brota Felipe Fittipaldi/Divulgação

Brota: Dentro da multimarcas Void General Store do Arpoador, o ponto é uma lanchonete de comidinhas vegetarianas e veganas criadas pela chef Roberta Ciasca, sócia do Miam Miam, do Oui Oui e do Petit Sanduíches. A mestre-cuca elaborou um cardápio de delícias, a exemplo das brotinhas: carro-chefe local, consistem em bolinhos de arroz integral recheados em cinco versões (R$ 14,00 cada um). Duas sugestões deliciosas são os de tomate assado com pesto e azeitona preta e de creme de beterraba com picles de cebola-roxa. Alternativas saborosas são a salada fresca de melancia com hortelã acompanhada de pasta de grão de bico, cebola frita e torradas de pão árabe e o ceviche de legumes (R$ 16,00 cada uma). Pedidas mais consistentes aparecem na forma de PF (R$ 28,00) e dicas de curry (R$ 24,00) que mudam sempre. Uma leve sobremesa reúne maçã, caramelo e farofa doce (R$ 15,00). Para beber, a boa opção é o chá de capim-limão com hibisco e gengibre (R$ 7,00).

+ Confira as melhores cafeterias do Rio

Continua após a publicidade

Graviola: Criado durante a onda dos food trucks, esse negócio sobre rodas especializado em comidinhas naturais ganhou seu primeiro ponto fixo no fim de 2016, na Barra. Com decoração bem-cuidada — paredes de tijolos brancos, móveis rústicos, luminárias de palha e muito verde — e cardápio variado, apetitoso e de forte apelo saudável, o endereço tornou-se sucesso instantâneo. Tanto que, em maio de 2017, abriu a primeira filial, no Baixo Leblon. No cardápio sobressaem tapiocas, como a de frango orgânico e queijo cottage sem lactose (R$ 24,50). Da ala vegana, o hambúrguer de grão de bico com linhaça e cenoura ao molho de rúcula (R$ 29,90) divide as atenções com pratos mais consistentes, a exemplo do nhoque de raízes ao molho pesto (R$ 44,00). Nutritivos, bowls oferecem misturas como a que reúne creme de pitaia, raspas de coco, granola, banana e amêndoa (R$ 26,90). A cheesecake (R$ 19,00) é a dica doce.

Tartines de queijo de cabra e de homus do Okanossa Felipe Fittipaldi/Divulgação

Okanossa: Sonho de duas amigas, Ondina Gladulich e Katharina Guimarães, o negócio é dedicado a comidinhas naturais, orgânicas e afins. Junção das iniciais das sócias, o nome também faz referência a oca, casa em tupi-guarani. O espaço com jeito de mercearia contemporânea abriga um café e um pequeno empório com foco em produtos artesanais. Opção vegana, a coxinha de cogumelo leva massa de batata-doce (R$ 9,80). Nova por lá, a tartine de guacamole (R$ 22,80) vem numa fatia generosa de pão de fermentação natural. Mais consistente, a panelinha de ovos com molho de tomate rústico, espinafre e queijo derretido (R$ 21,80) é servida com fatias de pão. Um combinado para o café da manhã reúne bebida quente, suco ou água de coco, lanche à escolha (meio queijo quente, por exemplo) e doce do dia por R$ 35,90 (a versão para duas pessoas sai a R$ 59,80). Cafés coados em diferentes métodos oferecem alternativa ao intenso expresso (R$ 6,90). No filtro japonês Hario V60, o pedido sai a R$ 8,80.

Publicidade