Clique e assine por apenas 4,90/mês

Café da manhã no bar? Por que não?

Três redutos boêmios abrem as portas para um desjejum com dicas apetitosas para começar bem o dia

Por Carol Zappa - Atualizado em 2 jun 2017, 12h05 - Publicado em 25 jun 2016, 01h00

Armazém Devassa 

Aberto 22 horas, o estabelecimento no térreo do Hotel Mar Ipanema é boa pedida tanto para a saideira na madrugada quanto para quem quer iniciar cedo os trabalhos. Para esses, a chef Andrea Tinoco oferece, até o fim de julho, um café da manhã junino. Das 6h às 10h, quitutes caipiras como curau, bolo de milho, canjica, arroz-doce, bolo de aipim e cuscuz de coco são servidos em forma de bufê (R$ 33,90 por pessoa). Mais tarde, chega a hora de investir em drinques como o pirata sarará (R$ 27,90), combinação de rum prata, suco de laranja, licor de tangerina e chope de trigo Devassa. Para qualquer horário, novidades como o wrap de steak tartare (R$ 39,90) são boa companhia para o chope Devassa Índia (R$ 6,70, 200 mililitros).

Café Americano_Botto
Café Americano_Botto

Botto Bar

No primeiro domingo de cada mês, o recanto de Leonardo Botto abre as portas às 9h para um animado café da manhã. As edições são temáticas, com menu inspirado nas principais escolas cervejeiras do mundo. Na próxima edição, que acontece no domingo 3, as receitas são americanas: por R$ 35,90, são servidos três panquecas de buttermilk (soro de leite), duas fatias de bacon, pão de malte da casa com manteiga e maple syrup, ovos mexidos e linguiças grelhadas. Uma fatia de bolo e mesa de frutas à vontade fazem parte do pedido. Como a farra vai até as 15h, entregue-se sem culpa aos chopes artesanais que jorram das vinte torneiras da casa, tricampeã na edição especial de VEJA RIO COMER & BEBER. As atrações mudam semanalmente, mas a clássica belga Delirium Tremens (R$ 29,90; 250 mililitros) e a imperial IPA Noi Amara (R$ 17,90; 300 mililitros), receita do proprietário, costumam ter lugar cativo. 

Meza Bar_moquequinha de ovos
Meza Bar_moquequinha de ovos

Meza Bar

Destino concorrido entre os notívagos, costuma ser agitado também durante o dia aos sábados e domingos: é quando a casa abriga, das 11h às 18h, o PicNicMeza, um caprichado brunch etílico. A sócia e chef Andressa Cabral aposta em delícias como steak tartare defumado com maionese de ervas, picles e torradas (R$ 23,00) e pão de queijo com linguiça e molho vinagrete (R$ 17,00). O ovo aparece em versão poché, servido com polenta, cogumelos salteados e perfume de trufas (R$ 19,00), ou sobre uma moquequinha, com gema mole (R$ 19,00). Na ala de drinques, a brincadeira é montar a própria receita, à base de espumante ou do tradicional bloody mary (R$ 26,00), que pode ser turbinado com aipo, bacon e outros ingredientes. Cafés, sucos e shakes também estão no menu. 

Publicidade