Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Novo bar em Vila Isabel exalta a cultura negra

Kaza 123 se propõe a ser um polo cultural com comidas, bebidas, literatura, decoração e moda

Por Bruna Motta Atualizado em 21 out 2020, 16h45 - Publicado em 21 out 2020, 16h44

A fim de criar um ambiente para difundir e enaltecer a cultura negra, a chef Maria Júlia ferreira, a atriz e atleta olímpica Lica Oliveira e o ator, ativista e ex-BBB Rodrigo França se uniram para fundar o bar Kaza 123, em Vila Isabel. Inaugurado no final de setembro, o local de 200 metros oferece um cardápio que tem  o angu como astro principal.

São diferentes versões do prato, como à baiana, com frutos do mar e vegano.

+Descubra qual melhor taça para cada vinho com Marcelo Copello 

Criador dos drinques da casa, o sócio Rodrigo França trouxe outras experiências para a construção do bar. “A ideia é oferecer refúgio e conforto. Quando a pandemia passar, estamos programando eventos culturais, como teatro infantil, leituras dramatizadas e pequenos shows”, contou ele.

+Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Rabada com agrião Robson Maia/Divulgação

Funcionando de quinta a domingo, a Kaza 123 recebe em seu espaço a livraria Kitabu, com títulos da literatura afrobrasileira, afro-americana e caribenha e um estande da marca carioca Complexo B, com roupas confeccionadas em tecidos africanos.

+Chico do Bracarense está de volta em novo bar 

Kaza 123. Rua Visconde de Abaeté, 123, Vila Isabel. Telefones para contato: (21) 3442 4005/(21) 96728 0178. Quintas e sextas, 18h/1h. Sábados e domingos, 12/1h.

+Anuncie em VEJA RIO COMER&BEBER 2020 

Continua após a publicidade
Publicidade