Em meio à crise, secretário municipal de Saúde pede licença

Secretaria informa que Marco Antonio de Mattos pediu afastamento de 10 dias para acompanhar tratamento médico de familiar

Um dia após informações de que algumas unidades da Clínicas da Família na Zona Oeste seriam fechadas, o secretário municipal de Saúde, Marco Antonio de Mattos, pediu uma licença e ficará afastado do cargo por 10 dias. Segundo a secretaria, neste período ele vai acompanhar o tratamento médico de um familiar. A subsecretária geral, Ana Beatriz Busch Araújo, assume neste período.

Por meio de nota,  prefeito Marcelo Crivella negou o fechamento de 11 unidades. “Sabemos da grave crise que atinge o Estado e o município do Rio de Janeiro, mas todos os esforços estão sendo feitos para garantir os serviços públicos de saúde, inclusive com inúmeros mutirões que foram realizados, aumentando o número de consultas, exames e cirurgias, na comparação com o mesmo período do ano passado”, informou via assessoria.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s