Clique e assine por apenas 4,90/mês

Quarentena: 7 aplicativos para fazer chamadas de vídeo

Alternativas durante o isolamento social, as plataformas ampliam servidores para atender a alta demanda

Por Bruna Motta - Atualizado em 7 abr 2020, 14h43 - Publicado em 7 abr 2020, 13h37

A quarentena afastou fisicamente pessoas de seus trabalhos e também de amigos e familiares. Mas a tecnologia criou possibilidades de diminuir a distância através de ferramentas de videoconferências. Plataformas voltadas para o mundo corporativo e também para diversão são opções para driblar o isolamento social.

Confira abaixo a lista de aplicativos:

Hangouts:

A plataforma de videoconferências do Google possibilita seu acesso através do computador via navegador, além de possuir versões para os modelos IOS e Android. Os usuários têm acesso a chats para trocas de mensagens, videochamadas com até 25 pessoas e também ligações telefônicas. Também é possível fazer upload de arquivos e editar documentos do Google Docs ou do Google Planilhas. Para ter acesso as funcionalidades é preciso ter uma conta do Google, pois é a partir dela que é a ferramenta sincroniza a lista de contato do usuário. Durante a quarentena, a ferramenta disponibilizou uma modalidade empresarial gratuita, disponível até o dia 1º de julho.

Continua após a publicidade

+ Para receber a VEJA Rio em casa, é só clicar aqui

House Party

Mais voltado para o entretenimento e interação, o aplicativo oferece ofertas de jogos, compartilhamento de telas entre os usuários, o que permite que amigos assistam a um filme juntos, por exemplo. Gratuito, ele permite a realização de chamadas com até 8 participantes e notifica quando um amigo fica online. Entre os dias 2 e 9 de março a plataforma recebeu mais de 2 milhões de downloads ao redor do mundo.

+Home Office: como não perder a produtividade durante a quarentena

Continua após a publicidade

Just Talk

Principal concorrente do House Party, o aplicativo permite videoconferências com até 16 pessoas no formato Andoid e 50 no IOS. Com ferramentas que permitem desenhar, mudar o fundo do vídeo, inserir adesivos, o aplicativo faz sucesso por oferecer jogos e opções de vozes diferentes. Ele é gratuito.

Microsoft Team

Com um perfil corporativo, a plataforma de comunicação da Microsoft possui uma versão gratuita, que permite criar conversas ilimitadas com até 300 pessoas. O grande destaque do Teams fica por conta dessa sincronização que a ferramenta faz com outras plataformas, como o Word, Excel e PowerPoint. Por lá, também é possível realizar o compartilhamento de arquivos, como imagens e docs.

Continua após a publicidade

+Quarentena: saiba onde e como encomendar ovos de Páscoa no Rio

Skype
O mais conhecido das plataformas, ele oferece recursos como chat entre usuários, ativação de legenda e desfoque da tela de fundo durante uma chamada. Na versão “Reuniões do Skype”, é possível adicionar até 10 integrantes na videochamada. Gratuito e disponível para IOS, Android e Windows, o aplicativo oferece a possibilidade de realizar ligações para celulares, mas taxas são cobradas do usuário.

Whatsapp
O aplicativo de trocas de mensagens espontâneas também oferece a opção de videochamadas. É possível realizar conversas com até quatro usuários. Também é possível transformar uma ligação de vídeo só em chamada telefônica, sem ter que reiniciar a conversa. É gratuito e possui versões para IOS e Android.

Zoom
A plataforma que oferece uma versão gratuita para Androis e IOS permite videoconferências com até 25 pessoas. Para adicionar participantes à conversa, basta enviar um convite através de e-mail, SMS ou até pelas redes sociais. No Zoom, é possível armazenar arquivos na nuvem.

Zooroom
Baste criar uma sala de bata-papo e enviar o link para os amigos e voilá, a reunião pode começar. Não há necessidade de fazer cadastro, basta baixar o aplicativo, que é gratuito. O videochat suporta até 12 pessoas. Se quiser apenas ouvir o papo, você pode silenciar seu microfone tocando duas vezes sobre o seu vídeo.

Publicidade