Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Débito ou crédito? Pedágios no Rio devem aceitar pagamento por cartões

Vias do município como a Transolímpica e a Linha Amarela deverão sinalizar quando o sistema estiver inoperante

Por Luiza Maia 27 jul 2021, 19h31

Conforme a lei sancionada pelo prefeito Eduardo Paes nesta segunda (26), as concessionárias que atuam nas vias municipais devem aceitar o pagamento por cartões de débito e crédito.

+ Olimpíadas: Hugo Calderano faz história no tênis de mesa e vai às quartas

Segundo os autores do projeto, a medida foi proposta em razão da diminuição nos pagamentos por dinheiro. “O objetivo é oferecer mais praticidade e conforto aos usuários que porventura não possuam dinheiro em espécie para o pagamento da taxa”, justifica o texto.

O decreto em vigor estabelece que no caso de problemas operacionais, os painéis de aviso espalhados pelas vias deverão informar a inoperância do serviço.

+ High Line carioca? Elevado Paulo de Frontin pode virar espaço de lazer

No caso da Linha Amarela, o pagamento por aproximação de cartões também já ocorre desde o dia 27 de junho. Para pagar a taxa, é possível usar também outros dispositivos tecnológicos, como celulares, pulseiras e relógios tecnológicos aptos para fazer a transferência.

O motorista pode realizar a transação através de duas cabines disponibilizadas, que funcionam sem a intervenção dos operadores. A rodovia foi a primeira do país que adotou este sistema especializado para pedágios.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade