Continua após publicidade

Jardim Botânico do Rio ganhará novo ponto gastronômico dentro do parque

Edital de licitação prevê a implantação do novo restaurante em um imóvel ao lado do Galpão das Artes e próximo ao Centro de Visitantes

Por Luiza Maia
Atualizado em 8 nov 2021, 14h43 - Publicado em 8 nov 2021, 14h02

O corredor cultural do Jardim Botânico do Rio ganhará um novo espaço dedicado à gastronomia. Foi publicado na última sexta (5), no Diário Oficial da União, o edital de licitação para concessão do imóvel, localizado ao lado do Galpão das Artes, próximo ao Centro de Visitantes e ao Espaço Tom Jobim. Após a seleção da proposta mais vantajosa, o local será ocupado pelo prazo de 3 anos.

+ Ao ar livre: Ópera na Tela de volta aos jardins do Parque Lage

O pregão acontecerá no dia 16 de novembro, às 10h. Os interessados podem agendar uma vistoria no espaço de segunda a sexta, mediante agendamento prévio pelo telefone (21) 3874-1231, e acessar o edital da licitação pelo site. 

Vizinho ao imóvel, o Galpão das Artes atualmente abriga uma exposição com esculturas de Mestre Valentim, além de eventos realizados pelo Jardim Botânico do Rio. Perto da construção, está localizado também o Centro de Visitantes do parque, que ocupa uma das edificações mais antigas da cidade, construída em 1576. Em breve, o Jardim Botânico abrirá uma licitação para concessão da loja de souvenirs instalada no espaço.

Continua após a publicidade

+ Galeria a céu aberto: festival ocupa a Praça Mauá com luzes e projeções

Desde o último sábado (6), os visitantes que passam pelo Centro podem apreciar e levar para casa arranjos ornamentais criados com elementos naturais do parque. As peças da iniciativa Jardim para Levar estão expostas na loja da Associação de Amigos do Jardim Botânico e podem ser adquiridas por meio de doações. Os valores mínimos sugeridos, entre R$ 60,00 e R$ 130,00, serão revertidos para a manutenção do parque e a compra de insumos e recipientes.

Os nove arranjos, elaborados de forma artesanal por servidores e alunos do Centro de Responsabilidade Socioambiental (CRS), são compostos por madeiras, sementes, fibras vegetais diversas – como de buritizeiro, açaizeiro e bananeira – entre outros elementos presentes no arboreto do Jardim Botânico. Cada ornamento é diferente, devido ao processo único realizado por cada artesão.

Continua após a publicidade

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Foto mostra arranjos feitos com elementos naturais
Jardim para levar: uma curiosidade é que os arranjos desenvolvidos receberam nomes próprios femininos, como Íris, Mônica, Verônica, entre outros (Rafael Lucena/Divulgação)
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.