Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Covid-19: mais de 11 000 autuações são registradas no Rio em onze dias

Segundo balanço divulgado nesta terça (6), 844 multas foram aplicadas a restaurantes e vendedores ambulantes e 148 estabelecimentos foram interditados

Por Agência Brasil Atualizado em 6 abr 2021, 16h44 - Publicado em 6 abr 2021, 16h33

A Prefeitura do Rio registrou 11 382 autuações em onze dias, período de vigência das atuais restrições para conter a contaminação do coronavírus. Entre elas estão multas e interdições a estabelecimentos, infrações sanitárias, multas de trânsito, reboques e apreensões de mercadorias. A Secretaria Municipal de Ordem Pública interditou, inclusive, uma festa de swing – troca de casais – com cerca de 30 pessoas. 

+ Justiça derruba liminar e determina o retorno das aulas presenciais no Rio

Segundo balanço divulgado nesta terça (6), foram aplicadas 844 multas a bares, restaurantes e ambulantes e 148 estabelecimentos foram fechados. Apenas na segunda (5), houve 1 144 autuações, com 25 multas a estabelecimentos e ambulantes, além de 18 interdições de bares e restaurantes.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

A prefeitura informou também que, na noite de segunda (5), agentes da Coordenadoria de Fiscalização de Estacionamento e Reboque faziam uma ronda na Praia da Reserva quando notaram vários carros estacionados na orla, em um local escuro e distante. Os fiscais constataram que se tratava de uma festa de swing a céu aberto. Cerca de 30 pessoas participavam do encontro. Alguns deixaram seus veículos no local e fugiram, outros pegaram seus automóveis e saíram às pressas. Ao todo, dez carros foram autuados e três rebocados.

+ Covid-19: novo posto de vacinação é inaugurado no Imperator, no Méier

Os comboios de fiscalização contam com agentes da Secretaria de Ordem Pública, Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e apoio da Polícia Militar em diversos pontos da cidade como Zona Sul, Lapa, Tanque, Madureira e Barra da Tijuca, além da atuação da Guarda Municipal por todo o município.

As medidas restritivas do atual decreto seguem em vigência até a próxima quinta (8). Diante do aumento no número de casos e de mortes por Covid-19, as ações visam reduzir os riscos de contágio da população. Confira o que abre e o que fecha no Rio.

Continua após a publicidade
Publicidade