Clique e assine com até 65% de desconto

Coronavírus: festas no fim de semana desafiam fiscalização

Raves e noitadas com aglomerações são flagradas por equipes da Ordem Pública em diversos bairros das zonas Norte e Oeste da cidade

Por Da Redação 31 ago 2020, 14h14

Não foram só as praias do Rio que estiveram movimentadas no fim de semana. Aglomerações também foram constatadas por equipes da Secretaria de Ordem Pública em alguns pontos pontos da cidade entre a quinta (27) e o domingo (30). Seis estabelecimentos acabaram fechados por descumprirem as regras da Prefeitura para o enfrentamento à pandemia de Covid-19.

Crivella mantém praias e cinemas fechados e libera festas infantis

Nestes locais, os agentes constataram programação de evento com música ao vivo, falta de distanciamento, funcionários sem máscara e ausência de álcool em gel. Ao todo, foram aplicadas 28 multas por diversas irregularidades sanitárias e contra normas fazendárias. A equipe de fiscalização deu incertas em 14 bairros das zonas Norte e Oeste: Ilha do Governador, Vila da Penha, Vila Valqueire, Freguesia, Madureira, Bangu, Campo Grande, Paciência, Itanhangá, Barra da Tijuca, Curicica, Anil, Méier e Ilha de Guaratiba.

Regina Duarte quebra três dentes em queda: ‘Fui de boca no chão’

No domingo, foi encerrada uma rave com a presença de 150 pessoas no sítio Espaço Verde Vila Festas e Eventos, na Ilha de Guaratiba. Na madrugada de sábado, outros dois estabelecimentos foram interditados, na Barra e no Anil, pelos agentes da Seop e da Secretaria Municipal de Fazenda por não possuírem autorização para funcionamento. Já no início da noite, a festa “O pai tá on” – programada para acontecer em espaço com campo de futebol e piscina no Méier – foi obrigada a ser interrompida pelas equipes da Prefeitura, e autuada por técnicos da Vigilância Sanitária.

http://+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

 

Continua após a publicidade
Publicidade