Continua após publicidade

Após incêndio, o tradicional Bar do Oswaldo reabre em julho com novidades

Vaquinha virtual e venda antecipada das famosas batidas estão ajudando a reconstruir a casa da Barra, que retorna com visual renovado

Por Redação VEJA RIO
27 jun 2022, 18h09

O Bar do Oswaldo vem aí com ambiente de visual mais moderno e “instagramável”, nas palavras do dono, com entradas para cabos e tomadas nas paredes, e televisores de última geração para a programação da Copa do Mundo. Dois meses depois do incêndio que destruiu completamente o segundo andar da casa onde funciona o bar de maior tradição na Barra da Tijuca, o estabelecimento anuncia para julho a retomada das atividades em grande estilo.

+ Pesquisa mostra que aborto legal é desencorajado em hospitais cadastrados

O bar criou uma vaquinha virtual para receber doações, além de vender vouchers de garrafas das famosas batidas da casa com preço promocional.

Compartilhe essa matéria via:

Rommel Cardozo, o dono, filho do ex-garçom Oswaldo, que fundou o bar em 1946, diz que amigos e clientes estão ajudando na reconstrução. Ele conta que já trocou as partes elétrica e hidráulica, e a casa está de teto novo. Ele também pretende reunir as fotografias do pai e fazer um espaço dedicado a contar a história do estabelecimento.

Continua após a publicidade

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

As investigações da Polícia Civil sobre a causa do fogo foram inconclusivas, mas Rommel, como já havia dito no dia seguinte ao incêndio, acredita que ele foi causado por faíscas dos muitos balões que viu nas proximidades da casa, pouco antes do incidente.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.