Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Olga Karam: modelo trans estreia na profissão posando seminua para Testino

Com um mês de carreira, 'new face' se viu diante do desafio de ser clicada pelo fotógrafo: 'Fácil não foi'

Por Cleo Guimarães Atualizado em 19 mar 2021, 09h30 - Publicado em 19 mar 2021, 07h00

Contratada da agência 40 Graus desde dezembro, a modelo trans Olga Karam viu-se, um mês depois, diante de um desafio capaz de abalar até veteranos: posar seminua para um ensaio de fotos. “Fácil não foi”, admite. “Sou insegura com meu corpo, mas topei.”

Conhece o trabalho do artista plástico Wallace Pato? Pois deveria

Claude Troisgros: chef vai inaugurar seu primeiro bar no Leblon

Olga, 22 anos, começou sua transição de gênero com tratamento hormonal durante o curso de biomedicina na UFRJ, há dois anos, e foi clicada pelo fotógrafo Mario Testino — segundo ela, “simpático e bem tranquilo”, bem distante da figura acusada de assédio por treze modelos em 2018. O agente de Olga, Sergio Mattos, prevê “um grande e lindo futuro” para a carreira da cliente. “Ela é a cara da Nastassja Kinski e o mercado está louco pelas modelos trans”, anima-se.

Tainá Müller: a rainha dos policiais

O ‘surto’ de Alceu Valença

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Publicidade