Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Kátia Barbosa está em nova fase, mas relaxe: os bolinhos são ‘imexíveis’

Ela diminuiu a operação de seus restaurantes, incluiu pratos vegetarianos no menu e garante que as mudanças não vão afetar o carro-chefe de sua cozinha

Por Cleo Guimarães Atualizado em 20 ago 2021, 10h22 - Publicado em 20 ago 2021, 07h00
Kátia Barbosa -
Kátia Barbosa: ‘O mundo mudou e a gente vai acompanhando’, diz a chef Victor Pollak/TV Globo

Difundido pela escola de design alemã Bauhaus, o conceito do minimalismo encaixa-se perfeitamente na atual fase da chef Kátia Barbosa. A cozinheira, que chegou a ter quatro restaurantes e um quiosque na cidade, decidiu se concentrar em dois pontos, o Kalango, agora em Botafogo, e o Aconchego Carioca, na Praça da Bandeira, além de duas cozinhas voltadas para o delivery. “É melhor assim. Com vários lugares a gente perde o controle”, diz Kátia, 59 anos.

Roberta Sá e o amor em tempos de quarentena

Viajar é preciso; Antonio Bokel que o diga

Ela continua a servir comida brasileira e seus bolinhos fritos (“Não teria como tirá-los do cardápio, o povo me mataria”), enquanto aprimora novas receitas com pegada vegetariana, entre elas um inusitado caruru de cactos. “O mundo mudou e a gente vai acompanhando”, anima-se.

Seu Jorge: como se não bastasse, ele ainda cozinha e faz tricô

Rufem os tambores: Sabrina Sato volta à Sapucaí no próximo Carnaval

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Publicidade