Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Ed Motta viraliza com vídeo em que imita amantes do vinho cariocas e paulistas

Artista se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter nesta quarta (12) ao mostrar versões caricatas de cada um

Por Kamille Viola Atualizado em 12 jan 2022, 15h55 - Publicado em 12 jan 2022, 15h54

Ed Motta voltou a dar o que falar nas redes nesta quarta (12). O artista se tornou um dos assuntos mais comentados no Twitter depois que um trecho de uma transmissão ao vivo realizada por ele em seu perfil no Instagram viralizou.

+ Morre o fundador da rede de lanchonetes Bob’s, pioneira do fast-food no Brasil

No vídeo, o cantor e compositor conversa com seus seguidores sobre vinhos quando começou a citar diferenças entre cariocas e paulistas.

Compartilhe essa matéria via:

Continua após a publicidade

+ Cinco motivos para assistir à série documental O Canto Livre de Nara Leão

Imitando sotaques, Motta listou o que considera diferenças entre amantes do vinho cariocas e paulistas. “Porque vinhos têm uma ordem [de degustação]. (…) No Rio de Janeiro nada tem ordem, bicho. Você faz um grupo de vinho no Rio: ‘Pô, vamos abrindo aí conforme a gente vai achando gostoso, mas vamos conversando. Cadê as mulé, porra? Como é que foi o jogo ontem, porra?'”, disse, exagerando o sotaque carioca.

+ Djokovic: verdade ou consequência?

Ao falar dos paulistas, ele elogia, mas depois também. “Os grupos de vinho de São Paulo são os melhores, tá? Em São Paulo a turma estuda o troço. (…) ‘Vamos começar com essa champanhe, que é supergostosa, meu. (…) Vamos começar com esse aqui, que vai ser um pouco menos intenso. E a segunda parte, o terceiro vai vir com uma acidez um pouco mais gostosa, mais vibrante, a gente uma acidez um pouco mais elétrica no fundo da língua, meu'”, diz, imitando o sotaque.

+ Fernanda Abreu defende Ivete e critica Bolsonaro: “Metido com milicianos”

Embora tenha viralizado agora, o vídeo foi feito há cerca dois meses e está disponível no canal do YouTube Cortes do Ed, que traz trechos de lives do artista criticando diversos assuntos, de blues em português a café com açúcar, que considera um pecado gastronômico — assim como picanha na pedra, batata palha e borda de catupiry na pizza. Os vídeos já têm milhares de visualizações.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Publicidade