Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Publicidade
André Heller-Lopes
Um concerto com melhores momentos da mais pop de todas as ópera abre portas para conhecer e ponderar
Um texto para questionar verdades e mentiras, e buscar um mundo onde não haja bem ou mal, erudito ou popular
Uma coluna diferente: dois diretores artísticos do Municipal, anterior e atual, conversam sobre suas visões do teatro
Na vida ou na ópera, haverá uma glamourização do trambique? E há dois pesos e duas medidas para os golpes aplicados por homens ou mulheres?
De um lado, artistas ucranianos pegando em armas, de outro o cancelamento de estrelas russas como Anna Netrebko e Valery Gergiev
Definida como “la voce d’angelo” e favorita do público carioca nos anos 1950, ela celebraria neste 1o. de fevereiro de 2022 seu centenário
O diretor investiga as relações entre óperas, balés e três novos programas de televisão
No Dito Erudito, uma homenagem ao grande compositor americano e um passeio por suas raízes musicais
O diretor pondera as possibilidades que a realidade virtual VR abre para o mundo dos clássicos
Ao estrear uma nova versão da ópera, o diretor reflete sobre a atualidade do texto, suas diversas leituras e as semelhanças com o novo filme de Almodóvar
Em tempos nada shakespeareanos, o patrimônio cultural brasileiro tenta sobreviver entre som e fúria
Nesse momento de popularidades dos jogos, é propício pensar em como atletas e artistas assemelham-se
O diretor indaga por que parece que ainda celebramos e falamos de cultura no singular
Da resiliência do Festival Amazonas de Ópera a Carmen sem-gênero de Chicago, a arte propõe ideias
Ao buscarmos juventude eterna, arriscamos feiura permanente. O conflito não é novidade e a ópera já contava esta história
A universidade pública em perigo? As relações de arte e conhecimento como base do que conhecemos como sociedade
Reflexões sobre os paralelos entre o novo podcast Aria Code do Metropolitan Opera e o filme ARIA
Uma análise do bate-papo mais polêmico da semana (ou da década) à luz dos reis e rainhas na ópera
O diretor comenta a nova Aida em Paris, com bonecos e cantores. Uma descolonização da ópera ou uma ocupação do que não precisa ser ocupado?
O diretor revisita o velho tema “artistas x críticos” à luz da internet e dos cancelamentos: mais humor e gentileza, por favor
Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Saiba tudo o que acontece na Cidade Maravilhosa. Assine a Veja Rio e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da Veja Rio! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

Receba mensalmente a Veja Rio impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet

a partir de R$ 12,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)