DIVERSÃO

O queridinho das praias

Como o futevôlei conquistou as praias do Rio, dicas de jogadores profissionais e escolinhas para aprender o esporte

Por: Thaís Meinicke - Atualizado em

futevolei.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Neste fim de semana, dias 9 e 10 de março, as areias de Copacabana recebem a terceira edição do Mundialito de Futevôlei 4x4, que contará com a participação de alguns dos melhores jogadores do mundo na modalidade. No campeonato, oito equipes lutam pelo título mundial. O Brasil, como anfitrião e criador do esporte, vem com dois times em busca do bicampeonato, comandados pelos ex-jogadores de futebol Renato Gaúcho e Djalminha. As demais seleções na disputa são: Paraguai, Uruguai, Portugal, Espanha, Argentina e Itália.

O futevôlei surgiu no Brasil em areias cariocas, na década de 1960, mais precisamente na faixa localizada em frente à Rua Bolívar, em Copacabana. Inicialmente chamado de ?pévôlei?, o esporte foi criado em 1962, em plena ditadura militar, quando a polícia proibia a prática do futebol nas praias a partir de um determinado horário. Em busca de uma saída para continuar batendo uma bolinha na areia, garotos cariocas, liderados pelo arquiteto e esportista Otávio Moraes - o Tatá - começaram a jogar utilizando as traves das quadras de futebol de areia como redes de vôlei. Traçando os limites da quadra dos dois lados da trave, eles tocavam a bola com os pés ou com a cabeça, sem deixar que ela tocasse o chão.

Desde então, o jogo se desenvolveu e ganhou popularidade no Rio e no resto do país. Na década de 1990, surgiram as primeiras associações e federações de futevôlei e, consequentemente, os primeiros campeonatos. Hoje, é difícil passar em alguma praia carioca sem ver atletas amadores trocando passes nas redes que se estendem ao longo da orla da cidade. Para Dunga, diretor técnico do Mundialito de Futevôlei, o esporte é uma atividade completa, pois exige preparo físico aeróbico, anaeróbico e muscular. ?Com todos os preparos e cuidados necessários, as pessoas podem aprender o esporte e se divertir ao mesmo tempo?, afirma.

Para começar a praticar

O futevôlei não é dos esportes mais fáceis de aprender, principalmente para quem não está familiarizado com as técnicas do futebol, mas vale a pena tentar. Depois que se pega o jeito, ele é uma ótima forma de passar o tempo na praia de forma saudável, além de ser um esporte barato, já que não exige instalações e equipamentos muito específicos para a prática ? afinal, a praia é de todos e tudo o que você precisa é de bola, rede e alguns amigos. Segundo Café, jogador da Seleção do Brasil A, que vai participar do Mundialito de Futevôlei, o segredo para quem quer praticar a atividade é muito esforço e treinamento. ?É preciso ter bastante preparo físico e dedicação para aprender as técnicas do esporte. Os treinamentos exigem muita repetição?, explica. Veja algumas dicas que ele dá para os interessados em aprender este esporte que já faz parte da cultura carioca:

1. Ter bom preparo físico, aeróbico e anaeróbico;

2. Fazer fortalecimento muscular;

3. Aprender as técnicas do futevôlei;

4. Treinar muito;

5. Repetir sempre os movimentos, como um dever de casa;

6. Praticar altinha é bom para quem quer começar a aprender os fundamentos do futevôlei;

7. Não esquecer do aquecimento e do alongamento antes e depois dos treinos e partidas;

8. Procurar profissionais ou escolinhas especializadas;

9. Não esquecer do protetor solar e jogar, de preferência, com camisas finas de manga. Além de proteger do sol, elas não deixam que a bola escorregue no ombro devido ao suor;

10. Sacar sempre a um metro da linha de fundo da quadra (distância máxima permitida), para colocar mais força na bola, dificultando a recepção adversária.

futevolei1.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Onde aprender

Veja alguns lugares na orla do Rio em que é possível aprender a jogar futevôlei com o auxílio de profissionais:

Clínica de Futevôlei

Aulas em grupo de segunda a quinta, às 18h30 e às 19h30, e aos sábados, das 9h às 10h. Aulas particulares podem ser feitas de uma a três vezes por semana, com um ou dois alunos por aula. De manhã, à tarde ou à noite, em horários e dias a combinar.

Praia de Ipanema, Av. Vieira Solto, redes 53A e 53B, em frente ao número 294. clinicadefutevolei.com

Beach Training

Terças e quintas, das 7h30 às 8h30, das 19h às 20h, e das 20h às 21h.

Barra da Tijuca, posto 4, em frente ao condomínio Barra Mares. beachtraining.com.br

Centro de Aperfeiçoamento de Futevôlei

Aulas todos os dias, de manhã, das 8h às 10h, e à noite, das 19h às 22h. Alunos a partir de 10 anos de idade.

Praia de Copacabana, posto 6, em frente à Rua Francisco Sá.

Acompanhe o Mundialito de Futevôlei 4x4:

Sábado (9), em dois turnos: ne manhã, a partir das 10h, e à noite, a partir das 18h.

Domingo (10), a partir das 10h, com as finais do campeonato.

A arena fica na Praia de Copacabana, em frente ao hotel Copacabana Palace. Entrada gratuita.

Transmissão no sábado pelo Sportv 2, às 10h e às 20h. No domingo, pela TV Globo, a partir das 11h15.

Na fase classificatória do campeonato, as partidas serão disputadas em set?s de 25 pontos. A final será jogada em um set de 15 pontos. Mais informações em facebook.com/Futevolei4x4

brasil-fut.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Fonte: VEJA RIO