Clique e assine por apenas 4,90/mês

Novos Baianos farão live em homenagem a Moraes Moreira

Encontro on-line, o primeiro desde a morte do cantor e compositor, promete ser marcado pela emoção

Por Marcela Capobianco - Atualizado em 4 ago 2020, 11h23 - Publicado em 3 ago 2020, 18h28

Os Novos Baianos farão, no próximo sábado (8), uma live em homenagem ao músico Moraes Moreira, morto em abril.

Pepeu Gomes, Baby do Brasil, Galvão e Paulinho Boca de Cantor vão se reunir para um show on-line no canal do Youtube da cervejaria Devassa. A apresentação está marcada para as 17h30, num local no Rio que remete ao icônico sítio Cantinho do Vovô, em Vargem Pequena, Zona Oeste, onde o grupo morou – e conviveu no melhor estilo Paz e Amor – na década de 70.

No repertório, não faltarão clássicos como Preta, Pretinha, A Menina Dança e Mistério do Planeta.

Vai ser a primeira vez que a lendária banda, formada em 1969, se reencontra após a morte de Moraes Moreira, um dos pilares do grupo.

Os Novos Baianos voltaram a tocar juntos em 2016, com turnê pelo Brasil inteiro, após quase vinte anos sem se encontrar nos palcos.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

View this post on Instagram

Alô, galera! Estamos passando aqui pra contar uma mega novidade: VAI TER LIVE DOS NOVOS BAIANOS!⁣ 🎶 Vamos fazer uma linda homenagem ao nosso irmão, Moraes Moreira, no canal da Devassa, no YouTube.⁣ 👇 Marca aqui nos comentários quem precisa assistir a live com você!⁣ ⁣ #DevassaTropicalAoVivo #UnidosPelaMusicaBrasileira

A post shared by Novos Baianos (@novosbaianos) on

A live faz parte do projeto Devassa Tropical Ao Vivo, que desde o início da pandemia vem apresentando iniciativas de fomento à música brasileira, arrecadando doações para os profissionais que atuam no backstage da cena musical brasileira e estão sendo prejudicados com o cancelamento de shows e eventos.

Desta vez, as arrecadações serão feitas em prol do Retiro dos Artistas, que acolhe idosos em vulnerabilidade e do Cortejo Afro, grupo que realiza apresentações ligadas a cultura africana e que possui mais de 130 integrantes, entre produtores e familiares que estão há mais de 120 dias sem trabalhar.

O projeto já apresentou lives de cantores como Gilberto Gil e Elza Soares.

Continua após a publicidade
Publicidade