Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Com homenagem a Zé do Caixão, festival Curta Neblina traz 31 atrações

Obras serão transmitidas on-line

Por Agência Brasil 18 set 2020, 11h21

Com a pandemia do novo coronavírus em curso, a sétima edição do Curta NeblinaFestival Latino-Americano de Cinema será totalmente online este ano. A edição tem início nesta sexta (18) e segue até o dia 4 de outubro.

+Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Para esta sétima edição, o festival vai apresentar 31 curtas-metragens de cinco países. E como uma homenagem especial ao ator e cineasta José Mojica Marins, o Zé do Caixão, morto em fevereiro deste ano, o festival vai apresentar também o longa Ritual dos Sádicos – O Despertar da Besta. O filme ficará disponível na plataforma do festival por 24 horas: das 23h59 de sábado (19) até 23h59 de domingo.

+Meteorologia: tempo deve fechar a partir de domingo no Rio 

Mojica teve uma longa ligação com o evento. Ele esteve presente na primeira edição do Curta Neblina e passou então a batizar o prêmio anual que é concedido aos melhores cineastas do festival.

Além de Zé do Caixão, o evento também vai homenagear a cineasta Suzana Amaral, que morreu este ano, e a atriz Ruth de Souza, que morreu no ano passado.

Continua após a publicidade

Este ano, o evento dedicará uma mostra especial sobre o cinema espanhol, premiando o melhor curta-metragem com uma trilha sonora original de André Abujamra, concedido pela Embaixada da Espanha no Brasil. E também incluiu um concurso de roteiros de longa-metragem para países lusófonos.

+Bel Kutner: “Os centro culturais não têm orçamento nem para acender a luz” 

O Curta Neblina é um evento originado na Vila de Paranapiacaba, em Santo André (SP), região muito conhecida pela neblina, do qual ganhou o nome. O festival apresenta curtas-metragens em documentário, ficção e animação e busca projetar novos cineastas.

Os curtas poderão ser assistidos gratuitamente pelo site , onde também constam mais informações sobre o festival.

+Prefeitura resgata 40 gambás, duas cobras e uma capivara num só dia 

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade