Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Prefeitura resgata 40 gambás, duas cobras e uma capivara num só dia

É uma das maiores capturas registradas pela Patrulha Ambiental este ano; temporada de ninhada dos animais silvestres está começando

Por Da Redação Atualizado em 17 set 2020, 16h34 - Publicado em 17 set 2020, 16h23

Um dos maiores resgates de gambás já registrados em 2020 para um só dia foi registrado nesta terça (15), em vários pontos da cidade: quarenta animais foram encontrados fora de seu habitat pela Patrulha Ambiental da Prefeitura. “Isso acontece porque a gente está chegando na primavera, que é a época reprodutiva dos animais silvestres“, explica o veterinário Jeferson Pires, chefe do Centro de Recuperação de Animais Silvestres (CRAS) da Universidade Estácio de Sá.

Anitta: vetada no Cristo, cantora vai gravar ‘Me Gusta’ no Bondinho

Dos 40 gambás resgatados, 20 foram recolhidos em bairros da Zona Oeste. Seis deles foram soltos logo depois porque estavam saudáveis. E os outros 14 (sendo dez filhotes), foram levados para o CRAS.  Os outros 20 resgates, todos filhotes, foram feitos em bairros das zonas Sul e Norte.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Nesta terça-feira também foram recolhidos um filhote de urubu, dois filhotes de cobra jararaca, uma capivara, uma coruja e um bacurau. A grande maioria das capturas é feita em residências, onde os animais fazem ninhos. NO caso dos gambás, em boa parte deles, os filhotes são abandonados pela mães, que muitas vezes morrem após o parto.

Continua após a publicidade
Publicidade