Clique e assine por apenas 7,90/mês

Felipe Neto se torna o segundo maior youtuber do Brasil

O influenciador digital encabeçou, ainda, o topo da lista dos livros mais vendidos na Bienal do Livro

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 14 set 2017, 16h49 - Publicado em 14 set 2017, 13h11

Após encabeçar o topo da lista dos livros mais vendidos da Saraiva na Bienal do Livro, Felipe Neto agora é o segundo maior youtuber do país, com 13.819.000 de fãs. O carioca do Engenho Novo ultrapassou Julio Cocielo, do Canal Canalha (13.817.040 de inscritos). Há menos de um mês, o influenciador digital também bateu o badalado canal Porta dos Fundos.

Neto vem colecionando números históricos. Junto com Luccas, seu irmão, com quem criou o canal Irmãos Neto recentemente, ele bateu o recorde mundial de novos inscritos no perfil: um milhão em 24 horas. Durante o lançamento, ao vivo, o canal alcançou 316 000 internautas simultaneamente, outro recorde. Polêmico,o youtuber mostrou sua nova mansão na Barra, e falou mal do próprio YouTube.

Publicidade