Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Nova exposição de Cocco Barçante clama por delicadeza em tempos duros

Coloridos painéis de lona e tecido ocupam o Centro Cultural Correios com alusões aos abraços interrompidos pela pandemia

Por Marcela Capobianco Atualizado em 16 jul 2021, 15h28 - Publicado em 16 jul 2021, 06h00

Angustiado com a pausa forçada nos afagos, o artista visual e estilista Cocco Barçante se dedicou à produção de coloridos painéis de lona e tecido.

O principal deles destaca a palavra “abraço” e foi posicionado ao lado de 300 fotos em preto e branco de pessoas dando ou recebendo algum carinho. Morando em Petrópolis, na Região Serrana, Cocco desenvolveu o hábito de plantar mudas em sapatos velhos.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

A ideia foi o ponto de partida para que ele criasse um impressionante mapa do Brasil, de 4 metros de largura por 3,5 metros de altura, preenchido com mais de cinquenta calçados.

Segundo o artista, a obra joga luz sobre a questão migratória em meio à pandemia. Com curadoria de Lucimar Cunha, a mostra Territórios Afetivos ocupa três salas do Centro Cultural Correios e pode ser definida como um clamor por tempos mais dóceis.

Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro. Ter. a sáb., 12h/19h. Grátis. http://www.correios.com.br. Até 28 de agosto.

Continua após a publicidade
Publicidade