Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Canoa havaiana é o esporte aquático que mais cresce no Rio

Pelas contas da federação estadual, já são cerca de 1 500 remadores

Por Fernanda Thedim 1 set 2017, 16h55

Depois da invasão dos stand-up paddles nas praias cariocas, a canoa havaiana é o esporte aquático que mais cresce no Rio. Pelas contas da federação estadual, já são cerca de 1 500 remadores. Isso se deve, em grande parte, às características da modalidade. “É uma atividade feita em equipe, que permite o contato intenso com a natureza e ainda aprimora o condicionamento físico, porque trabalha o sistema cardiovascular e fortalece o corpo inteiro, principalmente os músculos core”, explica Ana Carolina Penedo, sócia do Halau Outrigger (☎ 98181-2940). Fundado em 2012 pelo remador e fabricante de canoas Hugo Sanchez, o clube ocupa desde o início do ano a Bella Marina, à beira do Canal da Barra, e oferece aulas de terça a sábado com travessias até as Tijuquinhas e outras praias do Rio. “Nesses treinos passamos adiante não só a técnica de remada, mas também um pouco da cultura e das tradições da Polinésia, trazidas das nossas experiências no Havaí”, acrescenta Ana.

  •  

    Publicidade