Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Cabelos coloridos ditam a moda na Cidade do Rock

Madeixas de diferentes cores se destacam em meio à multidão no penúltimo dia do festival

Por Carolina Barbosa Atualizado em 2 jun 2017, 12h25 - Publicado em 26 set 2015, 19h47

Katy Perry já foi adepta, a cantora Baby voltou a aderir o estilo das madeixas coloridas e, em meio a muitos roqueiros vestidos de preto, tons esfuziantes de cabelos se destacam na Cidade do Rock. A estudante Juliana Thereza, 17 anos, veio de Araruama para assistir ao show de Lulu Santos. Em seu visual, chama atenção a cor azul dos fios. “Minha mãe é cabeleireira e deixou eu fazer o que quisesse no meu aniversário. Escolhi pintar de azul”, conta a jovem, que diz não ter cuidados especiais com o cabelo.

Juliana Thereza
Juliana Thereza

Mas esse não é um comportamento comum. Do Espírito Santo para a Cidade do Rock, a estudante de pedagogia Tamires Braga conta que não é simples manter os fios cacheados em tom cor-de-rosa fluorescente.“Pinto a raiz mensalmente, mas isso é o de menos, lavar é que é difícil. Sujo muita roupa porque a tinta desbota, os dedos ficam rosa e tenho uma toalha só para secar os cabelos”, diz ela, que escolheu uma tinta típica de colorir artesanato. “Mas não agride nosso cabelo”, explica. Para chegar ao azul ideal, a estudante Jade Mothé, 15 anos, radicada em Rio das Ostras, teve de descolorir as madeixas de cor castanho três vezes. “Demorou, mas deu certo”, conta.

+ Estilistas dão dicas de combinações perfeitas para curtir o festival com todo estilo

Apesar do trabalho que se tem para manter os fios bonitos e bem tratados, as adeptas do estilo fashion garantem que o visual faz sucesso. “Desde que desembarquei no aeroporto, noto que as pessoas me olham. Só no festival, já fui abordada três vezes por conta do cabelo”, relata. Juliana corrobora com a tese. “Algumas meninas achamestranho o cabelo colorido, mas uma já quis até ficar comigo”, entrega. Jade, por sua vez, enfrentou uma certa resistência alheia ao adotar a cor azul, em março deste ano, mas conquistou fãs no exterior. “No início foi um choque em Rio das Ostras, agora já virou moda e muita gente usa. No entanto, em Orlando, todo mundo achava o máximo”, comenta.

Jade Mothé
Jade Mothé
Continua após a publicidade
Publicidade