Continua após publicidade

É 0800! 8 destaques da programação gratuita no fim de semana

Feira das Yabás na área externa do CCBB, Quintal dos Botecos na Praça do Lido, nova exposição do MAR, competição de breaking na Tijuca e mais

Por Kamille Viola
14 jun 2024, 14h38

Cine Jardim

O projeto, que tem curadoria do lendário Dom Filó um dos principais nomes do movimento Black Rio e criador da maior plataforma de audiovisual negro da América Latina, o Cultne.TV —, ocupa o Jardim Suspenso do Valongo, sítio histórico da herança africana no Brasil. Todo terceiro sábado do mês, acontece uma sessão com algum filme com protagonismo de pessoas negras. Nesta edição, será exibido o documentário Cidade de Deus: 10 Anos Depois, seguido de bate-papo com os diretores Cavi Borges e Luciano Vidigal.

Jardim Suspenso do Valongo. Rua Camerino, em frente ao número 48, Centro. Sáb. (15), 19h. Grátis. É preciso retirar o ingresso pelo Sympla.

Cláudia Castelo Branco

A cantora pianista apresenta o show do álbum Viva Sivuca (2024), que homenageia o artista paraibano (1930-2006), sanfoneiro e autor de músicas como Feira de Mangaio, Cabelo de Milho e Capim do Vale. Cláudia também apresenta composições próprias, como Bendegó (dela com Renato Frazão). Ela sobe ao palco acompanhada por Fred Ferreira (baixo) e Bernardo Aguiar (percussão).

Continua após a publicidade

Parque Glória Maria. Rua Murtinho Nobre, 169, Santa Teresa. Sáb. (15), 16h. Grátis.

Feijoada do Cacique de Ramos

Com entrada gratuita, o tradicional evento, na quadra abençoada pela lendária tamarineira, conta nesta edição com as apresentações de Mauro Diniz, Força da Cor, Audácia Pura, Segue Aí, Cairo Madureira (com sua Resenha do Madureira), Alex Ribeiro e Anderson Ribeiro, em mais de dez horas de música ao vivo.

Rua Uranos, 1326, Olaria. Dom. (16), 13h. Grátis.

Continua após a publicidade

Feira das Yabás

O evento volta a aportar na área externa do CCBB, com a tradicional roda de Marquinhos de Oswaldo Cruz, que neste evento recebe o Jongo da Serrinha e a cantora Aurea Martins, além do carnavalesco Milton Cunha. E, é claro, as barracas das tias de Oswaldo Cruz e Madureira, as yabás que batizando o evento, representando a gastronomia dos quintais suburbanos, com pratos como feijoada, angu a baiana, frango com quiabo, tripa lombeira, macarrão com carne assada e outros.

Praça da Pira. Em frente à rua Primeiro de Março, 66, Centro. Sáb. (15), 12h/19h. Grátis.

Quintal dos Botecos

Em sua quinta edição, o evento volta ao lugar da estreia, Praça do Lido. Além de barracas de vários bares do Rio e da Baixada, ele conta com feira de microempreendedores, área kids e dois shows por dia. Desta vez, são 12 bares participantes, alguns deles no Quintal dos Botecos pela primeira, como o Boteco do Teixeira (Caxias), Caldo de Pinto (São João de Meriti) e Suru Bar (Lapa). Nesta sexta, o Cacique de Ramos (18h) leva sua roda a Copacabana. No sábado (15), as atrações são Banda Galena (13h) e uma roda de samba comandada pela cantora Marcelle Britto (18h), com as participações de Gabrielzinho de Irajá e Katia Preta. Domingo (16), é a vez das apresentações de Priscila Gouvêa (13h) e Casuarina (18h).

Praça do Lido, Copacabana. Sex. (14) a dom. (15), 12h/22h. Grátis.

Música no Museu

O projeto aporta nos jardins do Museu da República, que recebe o duo formado pelo barítono Luiz Bomfim e a pianista Regina Lacerda. No programa, canções de amor clássicas e populares.

Continua após a publicidade

Museu da República. Rua do Catete, 153. Dom. (16), 13h. Grátis. 

Renunciar/Mobi

A mostra do fotógrafo Mobi (1953-2007), que abre neste sábado (15), traz 151 imagens da cidade de São Luís dos anos 70 aos 2000. Com curadoria de Gabriel Gutierrez, diretor do Centro Cultural Vale Maranhão, a exposição convida o público a conhecer o Brasil que ficou à margem. Entre as obras, estão registros das visitas de Ulysses Guimarães, Teotônio Vilela e Luiz Inácio Lula da Silva à cidade, mas também cenas do cotidiano da capital maranhense e do homem comum.

Museu de Arte do Rio. Foyer. Praça Mauá, 5, Centro. Ter. a dom., Grátis. De 11 de junho a 27 de outubro.

Continua após a publicidade

Resolve na Roda

Quarta edição da batalha de breaking, que terá competições de duplas, com premiação em dinheiro para o primeiro e o segundo lugares. O evento começa no sábado (15) com workshops dos b-boys Doug e Trakinas, e a b-girl Lil (11h), tem roda de conversa com os b-boys Goldar e GB, e a b-girl Fran (14h30), e o início da batalha às 16h. Já o domingo tem abertura às 14h com uma cypher (roda) de breaking, seguida de competição (15h), pocket-show de Ene Jhow e Koji (17h30), cypher (18h) e a final (19h).

Centro Coreográfico do Rio de Janeiro. Rua José Higino, 115, Tijuca. Sáb. (15), 11h. Dom. (16), 14h. Grátis. É preciso retirar o ingresso pelo Sympla.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.