Clique e assine por apenas 4,90/mês

Ribz

(Desde 2015)

Tipos de Comidinhas:

Veja Rio:

Endereço: Outros Sem endereço fixo, - - Rio de Janeiro - RJ

Telefone: (21) 98054455

Site: http://www.ribztruck.com.br

Horário:

Sócios do Botero, bar em Laranjeiras, os chefs Bruno Magalhães e Bruno Vaz não param. Têm outros negócios gastronômicos com parcerias variadas e mantêm juntos essa empreitada especializada em receitas com costelas bovina e suína. Além dos dois trucks que circulam pela cidade, com capacidade para servir de 400 a 600 porções por dia, são montadas barracas em lugares onde não há espaço para o caminhão. Com pouco mais de um ano de atividade e uma cozinha de apoio no Méier, eles produzem tudo o que chega na mão dos clientes, do pão do sanduíche de costela bovina com cebola confit, queijo de minas padrão e barbecue (R$ 20,00 a R$ 23,00) à massa do pastel de costelinha suína com mostarda de abacaxi (R$ 5,00 a R$ 7,00). Um dos carros-chefe da marca é o arroz de costela bovina com molho tonkatsu e farofa de paio crocante (R$ 20,00 a R$ 23,00), que agora disputa a preferência com o cone de costelinha suína frita (R$ 23,00 a R$ 25,00), servido com barbecue à parte. Para dias mais frios, a pedida é a vaca atolada (R$ 23,00 a R$ 25,00), com aipim cozido no caldo de costela bovina e farofa de pão. Mata a sede o mate com limão-siciliano e canela (R$ 5,00, 500 mililitros), servido no copo de papel personalizado. A propósito: os preços de alguns itens citados variam de acordo com o evento, dentro das faixas de valor entre parênteses.

    Sócios do Botero, bar em Laranjeiras, os chefs Bruno Magalhães e Bruno Vaz não param. Têm outros negócios gastronômicos com parcerias variadas e mantêm juntos essa empreitada especializada em receitas com costelas bovina e suína. Além dos dois trucks que circulam pela cidade, com capacidade para servir de 400 a 600 porções por dia, são montadas barracas em lugares onde não há espaço para o caminhão. Com pouco mais de um ano de atividade e uma cozinha de apoio no Méier, eles produzem tudo o que chega na mão dos clientes, do pão do sanduíche de costela bovina com cebola confit, queijo de minas padrão e barbecue (R$ 20,00 a R$ 23,00) à massa do pastel de costelinha suína com mostarda de abacaxi (R$ 5,00 a R$ 7,00). Um dos carros-chefe da marca é o arroz de costela bovina com molho tonkatsu e farofa de paio crocante (R$ 20,00 a R$ 23,00), que agora disputa a preferência com o cone de costelinha suína frita (R$ 23,00 a R$ 25,00), servido com barbecue à parte. Para dias mais frios, a pedida é a vaca atolada (R$ 23,00 a R$ 25,00), com aipim cozido no caldo de costela bovina e farofa de pão. Mata a sede o mate com limão-siciliano e canela (R$ 5,00, 500 mililitros), servido no copo de papel personalizado. A propósito: os preços de alguns itens citados variam de acordo com o evento, dentro das faixas de valor entre parênteses.