Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

A volta da vacinação: aplicações de reforço para idosos são retomadas no Rio

Município recebeu 120 000 doses da AstraZeneca na quarta (20) para a aplicação da segunda e terceira dose. Veja o novo calendário

Por Luiza Maia Atualizado em 21 out 2021, 12h24 - Publicado em 21 out 2021, 12h13

Após a chegada de uma nova remessa de vacinas na quarta (20), a aplicação da dose de reforço contra a Covid-19 foi retomada nesta quinta (21) para os idosos do Rio. O calendário estava suspenso desde a última sexta (15), devido à falta de imunizantes.

+ ‘A vacina funciona’: Paes afirma que resultados dos eventos-teste são positivos

O estado do Rio recebeu 220 000 doses de AstraZeneca – 120 000 foram retiradas pela Secretaria Municipal de Saúde para a aplicação da segunda dose e do reforço – no caso de quem recebeu primeira e segunda dose da Coronavac e da Pfizer – nos postos da capital.

Mulheres de 67 anos ou mais podem comparecer aos postos nesta quinta (21) e homens da mesma idade na sexta (22). Já no sábado (23), haverá repescagem para todos os idosos a partir desta faixa etária.

+ Novo decreto: Rio libera capacidade máxima de cinemas, teatros, shoppings e eventos

Continua após a publicidade

Com a previsão do recebimento de novas doses até sexta (22), o cronograma deve avançar na próxima semana para os idosos de 66 e 65 anos ou mais, com escalonamento por gênero e idade, além de um terceiro dia de repescagem.

Os profissionais da saúde que tomaram a segunda dose contra a Covid-19 em março também podem retornar aos postos para receber a terceira aplicação. A partir da próxima segunda (25), será a vez dos que foram vacinados em abril.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Quanto ao calendário da primeira dose, pessoas de 12 anos ou mais que perderam a data prevista podem ser vacinados até o fim de outubro.

Continua após a publicidade

Publicidade