Continua após publicidade

Zinho Bier reedita vaca atolada no Dia dos Pais

Tradicional caldo de aipim com nacos da costela da casa pode ser pedido no domingo (9)

Por Rafael Cavalieri
Atualizado em 5 dez 2016, 12h01 - Publicado em 1 ago 2015, 01h00

O processo dura um dia inteiro. Durante as doze primeiras horas, a costela fica marinando em vinho tinto e ervas. Nas doze horas seguintes, ela é assada no bafo. O resultado é uma carne extremamente macia e saborosa, que solta do osso. Nacos dessa belezura fazem parte de uma entrada que era sucesso no tradicional Zinho Bier: a vaca atolada. No próximo domingo (9), quando é celebrado o Dia dos Pais, a pedida volta ao cardápio.

+ Confira os demais destaques de bares da cidade

Para quem não conhece, trata-se de creme de aipim sedoso combinado à carne (R$ 22,00). Após abrir os trabalhos, encare como pedida principal a costela, que serve tranquilamente três pessoas (R$ 130,00). Ela chega em uma pedra aquecida, escoltada por cebolas assadas, arroz branco, fritas, farofa de ovos e molho à campanha. Mate a sede com chope Brahma gelado (R$ 5,90; 300 mililitros).

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Tudo o que a cidade maravilhosa tem para te
oferecer.
Receba VEJA e VEJA RIO impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.