Clique e assine com até 65% de desconto

Menu Veja Rio Comer & Beber reúne 86 casas com preços em conta

Apresentada pelo Santander, a primeira edição do festival fica em cartaz durante um mês

Por Santander 27 jul 2017, 12h00
Carpaccio de atum com foie gras: entrada criada pelo chef Shin Koike Felipe Fittipaldi/Veja Rio

Junto com o lançamento da 18ª edição do guia COMER & BEBER, que reúne os melhores endereços de restaurantes, bares e comidinhas da cidade, VEJA RIO preparou uma surpresa para os amantes da gastronomia. Apresentado pelo Santander, o MENU VEJA RIO COMER & BEBER vai promover, durante um mês, cardápios especiais a preços acessíveis. O festival tem como um dos objetivos democratizar o acesso do carioca à boa mesa, oferecendo receitas saborosas com ingredientes de qualidade a um valor que não pesará no bolso de ninguém. Ao todo, 86 estabelecimentos cuidadosamente selecionados vão servir entrada, prato principal e sobremesa por 54,90 reais no almoço e 68,90 reais no jantar.

+ Os cardápios participantes do Menu Veja Rio Comer & Beber

A economia é gritante: enquanto uma carne simples não sai por menos de 80 reais no Pobre Juan, sem incluir o acompanhamento, será possível pagar bem menos pelo menu completo no endereço do Village Mall. Durante o dia, o cardápio vem com costela e, à noite, com o clássico bife de chorizo. Nos dois casos, o corte chega à mesa ladeado por batatas e molhos, além de salada de entrada e churros com doce de leite de sobremesa. As vantagens não param por aí. Os clientes Santander têm mais uma vantagem: ao pagarem com o cartão do banco, poderão optar por receber 10% de desconto no valor do menu, para até duas pessoas, ou uma dose du­pla da bebida oferecida pelo estabelecimento.

As receitas do chef Pedro Artagão: salada de siri, risone gratinado e bolo de cenoura para fechar Felipe Fittipaldi/Veja Rio

O festival também será uma oportunidade de conhecer alguns dos vencedores da edição 2017/2018 e de anos anteriores do guia COMER & BEBER, como a Casa Carandaí, no Jardim Botânico, ou o Aconchego Carioca, que participa com suas três unidades, na Praça da Bandeira, no Leblon e na Barra. Eleito revelação em 2012 e, depois, alçado ao posto de chef do ano em 2014 e 2015, Pedro de Artagão também topou o desafio de oferecer um cardápio mais em conta. “Queremos mostrar ao público que restaurante com chef famoso não precisa ser necessariamente caro”, explica. O chef acrescenta que a participação gerou um desafio para a equipe de criação. “Precisamos desenvolver um menu com ingredientes de qualidade, mas que se ajustem aos preços oferecidos.” Assim todo mundo sai ganhando — e comendo bem.

O chef Pedro Artagão: “Precisamos desenvolver um menu com ingredientes de qualidade, mas que se ajustem aos preços oferecidos”. Felipe Fittipaldi/Veja Rio
  • Continua após a publicidade
    Publicidade