Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

O Gastro Beer está chegando: confira seis cervejas que você precisa provar

Uma lista de diferentes estilos servidos em chopes de algumas das mais de 20 cervejarias presentes no evento da Quinta da Boa Vista

Por Pedro Landim Atualizado em 11 Maio 2022, 09h47 - Publicado em 10 Maio 2022, 18h11

Foram quatro anos de espera e o pessoal está como? Com sede, fato. O Gastro Beer Rio retorna ao verde da Quinta da Boa Vista neste fim de semana (14 e 15 de maio) e traz dezenas de opções da desejada bebida feita com água, malte, lúpulo e leveduras, nas torneiras de mais de 20 cervejarias. E torneira aqui é uma palavra importante, porque a bebida servida em chope, sem pasteurização e direto dos barris, é mais fresca e viva nos aromas. Ainda mais quando falamos nas chamadas artesanais.

+ Takoyaki, o bolinho com polvo que saiu das ruas do Japão para a Casa Ueda

Para facilitar a vida de quem já está na dúvida do que beber, entre um passeio de pedalinho e algumas mordidas num dos bons sanduíches à disposição no festival, separamos seis boas dicas na pressão, de estilos distintos e listadas aqui na ordem crescente de corpo e teor alcoólico. O evento tem entrada gratuita e atividades abertas das 12h às 21h, com diversos food trucks, bandas tocando no parque e atividades programada para as crianças.

Bottobier: o cervejeiro Leonardo Botto fez a bebida ao vivo na última edição do evento, em 2018
Bottobier: o cervejeiro Leonardo Botto fez a bebida ao vivo na última edição do evento, em 2018 /Reprodução/Instagram

Começando pela Jahe, a witbier da Bottobier, do mestre cervejeiro Leonardo Botto. O estilo belga da cerveja que recebe trigo e aveia na composição, além das tradicionais sementes de coentro e raspas de laranja, ganha aqui um toque perfeitamente inserido de gengibre. Leve, refrescante e cítrica, tem 4,8% teor alcoólico e é uma das melhores brasileiras do gênero.

Pakas: a cerveja do estilo extra stout tem aromas de café e chocolate e estará nas torneiras
Pakas: a cerveja do estilo extra stout tem aromas de café e chocolate e estará nas torneiras /Instagram/Reprodução
Compartilhe essa matéria via:

No segmento das chamadas sours, que abrange um grupo de estilos de cervejas ácidas em diferentes níveis, vale a pena se refrescar com a premiada Mona Lisa, da cervejaria Masterpiece. É um exemplar do estilo Catharina Sour que leva morango e siriguela na receita, com 5,6% de teor alcoólico. É azedinha (sem exagero) e de corpo leve, tem coloração rosada e o gosto das frutas presente na boca.

Continua após a publicidade

Para os que curtem sair da caixa e abrir o paladar a novas sensações, a cerveja Buenos Aires, da cervejaria Mafia, é uma rauchbier, ou seja, feita com maltes defumados, e ainda leva um toque de pimenta rosa. Com 5,8% ABV, traz notas de defumação na boca (pense em bacon) e fica bem na fotografia ao lado de hambúrgueres variados e embutidos como as linguiças.

Os fãs das pretas, com a pegada dos maltes torrados, estarão muito bem servidos com a Pakas Stout, da cervejaria Pakas, um belo exemplar do estilo extra stout. Seca, com aromas de chocolate escuro e café, além de amargor assertivo, tem 6,1% de teor alcoólico e acompanha muito bem de carnes grelhadas a sobremesas com chocolate presentes no Gastro Beer.

Ouse: a Tina é um belgian tripel que será servida em chope pela cervejaria
Ouse: a Tina é um belgian tripel que será servida em chope pela cervejaria /Ricardo Brigante/Instagram

No capítulo vasto das India Pale Ale, as amadas IPAs, vale o destaque para a Rye Way to Hell, da cervejaria Kumpel, uma double IPA (com 8,1% de álcool, papo sério) cujo nome brinca com a adição de centeio que contribui com o corpo sedoso e um toque instigante de condimentação. Para os lupulomaníacos, vale avisar que a cerveja leva as variedades de lúpulos Galaxy e Citra, com aromas cítricos, frutados e resinosos à vontade.

Kumpel: cervejaria carioca levará em chope a sua nova double IPA feita com centeio
Kumpel: cervejaria carioca levará em chope a sua nova double IPA feita com centeio /Reprodução/Instagram

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Versando sobre um clássico estilo belga ligado aos mosteiros, a cervejaria Ouse apresenta, entre as suas cervejas com nomes (e rostos) de mulheres nos rótulos, a Tina, uma tripel com relevantes 8,5% de teor alcoólico que segue a linha clássica, de coloração dourada, aromas de frutas amarelas e especiarias. Feita pela cervejeira Jessica Braga, é uma homenagem à russa Valentina Tereshkova, a primeira astronauta a realizar viagem espacial.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Saiba tudo o que acontece na Cidade Maravilhosa. Assine a Veja Rio e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da Veja Rio! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

Receba mensalmente a Veja Rio impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado, com Blogs e Colunistas que são a cara da cidade.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

App Veja para celular e tablet, atualizado mensalmente com todas as edições da Veja Rio

a partir de R$ 12,90/mês