Clique e assine por apenas 4,90/mês

Viação deixa passageiros a pé por falta de combustível

São Silvestre operou com frota reduzida nesta terça (19). Segundo empresa, queda do valor da passagem reduziu receita em 40%

Por Redação VEJA RIO - 19 dez 2017, 19h20

Na manhã desta terça (19), diversos passageiros não conseguiram chegar em seus destinos devido a falta de combustível em vários ônibus da aviação São Silvestre, que teve parte da frota na garagem durante todo o dia. Segundo a empresa, “o aumento no valor dos insumos, além da queda de 40% em sua receita total após a redução do valor da passagem, gerou dificuldades para pagar o fornecedor de combustível”.

Publicidade