Clique e assine por apenas 7,90/mês

UFF vai mapear violência nas universidades do Rio

Estudo pretende descobrir quais os pontos mais perigosos dentro e nos arredores das instituições

Por Redação Veja Rio - Atualizado em 5 dez 2016, 12h01 - Publicado em 29 jul 2015, 16h35

Pesquisadores do Instituto de Estudos Comparados de Administração Institucional de Conflitos (Ineac) da UFF apresentaram um projeto inovador para identificar os pontos mais perigosos dentro e ao redor das principais universidades do Rio. A ideia, aprovada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Rio de Janeiro (Faperj), tem como objetivo montar um plano de segurança para proteger os campi e as áreas com grande circulação de pessoas acadêmicas. 

+ Lanterna que dá choques elétricos vira ‘mania’ no Rio

O projeto vem em um momento de aumento dos crimes nessas localidades, juntamente com a crescente sensação de insegurança. Alunos e funcionários das instituições vêm sendo vítimas de roubos e até estupros, muitas vezes dentro dos próprios campi, escuros e mal iluminados de noite. Ao mesmo tempo, as universidades tem registrado um crescimento significativo no número de alunos, o que exige mais investimentos. 

 

Publicidade